Notícias /

Hospital do Subúrbio recebe visita da diretora da Opas

04/06/2012 20:13

Nesta segunda-feira (4), a diretora da Organização Panamericana da Saúde (OPAS), Mirta Roses Periag, visitou o Hospital do Subúrbio (HS). A diretora foi conhecer as instalações da unidade e a gestão do HS, que funciona por meio de Parceria Público-Privada (PPP). Acompanhando a diretora estava o secretário da Saúde do Estado, Jorge Solla, o representante da Opas no Brasil, Joaquim Molina, o coordenador do Termo de Cooperação (TC – 53) Opas/Sesab, Rodolfo Gomez, a diretora do HS, Lícia Cavalcanti, e o coordenador de Projetos Especiais, Washington Abreu.

Na oportunidade, Mirta Roses Periag, falou da modernidade do hospital, pelo processo de instalação da PPP, modelo assistencial e estrutura física da unidade. “Esta unidade tem um modelo de atendimento hospitalar não só para o Brasil, mas para o mundo, demonstrando uma grande capacidade de atendimento e excelência no planejamento, que em menos de dois anos de atendimento já consegue executar um alto número de atendimentos à população”, afirmou Mirta.

Conforme explicou Jorge Solla, o HS foi inaugurado no final de 2010 para atender a pacientes portadores de patologias de média e alta complexidade e hoje realiza mais de 600 cirurgias por mês.

Palestra na FMB

Após a visita, Mirta Roses Periag faz palestra com o tema “A saúde nas Américas: da agenda inconclusa aos novos desafios”, no Anfiteatro Professor Alfredo Thomé de Britto, a convite da Faculdade de Medicina da Bahia da UFBA (FMB). A reitora da UFBA, Dora Leal Rosa, presidirá à sessão, que também contou com a presença da diretora da FMB, Lorene Louise Silva Pinto.

Na ocasião, Mirta Periago foi homenageada por ser a primeira mulher a ocupar o cargo na OPAS, em gestão a ser concluída em 2013. A diretora teve sua carreira marcada também pela ativa participação nos esforços mundiais para o controle de epidemias, equidade em saúde, proteção social e segurança sanitária.

Opas

A OPAS é o organismo de saúde pública mais antigo do mundo, são quase três décadas de trabalho dedicadas a um melhor entendimento da saúde pública dos países nas Américas. E hoje, tem um papel importante na saúde pública da Bahia, através de acordo de cooperação técnica com o estado.

I.P./DRT. 2697/BA
Opas/hs visita Opas