Notícias /

Unidade Móvel da Hemoba realiza coleta de sangue no CAB até esta sexta-feira

20/05/2014 17:08

Servidores públicos, colaboradores, visitantes, estudantes e moradores do entorno do Centro Administrativo da Bahia (CAB), em Salvador, têm a comodidade de doar sangue na unidade móvel da Fundação de Hematologia e Hemoterapia da Bahia (Hemoba), que até esta sexta-feira (23) atende no estacionamento da Assembleia Legislativa da Bahia (Alba).

O secretário estadual da Saúde, Washington Couto, acompanhado de outras autoridades, participou na manhã desta terça (20) do primeiro dia de atividade da Hemóvel no Hemoba em Ação, no CAB. Pouco antes de fazer a doação, ele disse que a expectativa da Sesab é o comparecimento de 200 pessoas por dia no Hemóvel e ressaltou a necessidade de a população fazer doações de sangue regularmente.

Couto afirmou ainda que “o estoque da Hemoba está baixíssimo. A Organização Panamericana de Saúde recomenda que 3% da população sejam doadores e estamos muito longe disso”. Na Bahia, apenas 1% da população é doadora e a maior parte é composta de doadores de reposição, que são aqueles que doam porque algum parente ou amigo está precisando.

De acordo com o secretário, no ano passado a Hemoba contabilizou 90 mil bolsas de sangue. “Nossa meta para este ano é de [coletar] 200 mil bolsas e ainda não é o recomendado”.

Como doar

O cidadão interessado em doar sangue precisa gozar de boa saúde e ter entre 16 e 69 anos. Menores de 18 anos precisam de autorização dos pais ou responsáveis legais. No Hemóvel, o doador também pode se cadastrar para também doar medula óssea, doando apenas uma pequena quantidade de sangue.

O estudante Carlisson Costa, 23, saiu do bairro de Massaranduba para aproveitar a estrutura montada do CAB e experimentar, pela primeira vez, a sensação de doar sangue. “A estrutura é ótima. Os atendentes estão de parabéns. [As pessoas] podem vir sem medo, que não tem problema nenhum. É rápido. Apenas cinco minutos”.

Há 35 anos, o engenheiro aposentado Glauco Távora, doa sangue, em média, quatro vezes por ano. Durante o evento afirmou que nunca sentiu nenhuma reação desconfortável durante o procedimento. “A doação de sangue não provoca nenhum tipo de reação, a não ser o prazer de estar salvando vidas”.

Fundação

Em todo o estado, a Hemoba é composta por uma rede com 24 Unidades Hemoterápicas de Coleta e Processamento de Sangue, entre Hemocentros e Bancos de Sangue, que são as unidades de Coleta e Transfusão (UCT) distribuídas em todas as regiões do Estado.

O Hemóvel funciona das 8 às 17h e, de 27 a 30 deste mês, estará no estacionamento da Prefeitura de Feira de Santana. Em junho, de 3 a 6, o atendimento será na Praça do Setor C do bairro de Mussurunga, em Salvador, e de 10 a 13, no bairro de Cajazeiras, na Praça da Feirinha, na capital.

Secom
Hemoba/lançamento ação