Notícias /

Centro de Especialidades Médicas vai beneficiar mais de 15 mil pessoas em Itagiba

15/08/2014 13:12

A cidade de Itagibá, no sul do estado, que comemora 56 anos de emancipação política nesta quinta-feira (14), recebeu como presente a inauguração do Centro de Especialidades Médicas Dr. José Amado de Freitas (Cemed). A unidade reúne especialidades como ortopedia, pediatria, ginecologia, psiquiatria e urologia, e vai beneficiar mais de 15 mil pessoas. Com recursos estaduais foram disponibilizados equipamentos que possibilitam a realização de raio-x, ultrassonagrafia, eletrocardiogramas, entre outros exames. O espaço tem capacidade para mais de 3.500 atendimentos por mês, incluindo consultas e exames.

A cerimônia de inauguração do centro, com atendimento 100% pelo Sistema Único de Saúde (SUS), teve a participação do secretário estadual da Saúde, Washington Couto, e de representantes do município. O secretário visitou a estrutura, que dispõe de quatro consultórios, sala de observação, farmácia, central de atendimento e registro, cômodos para realização dos exames e outras dependências.

Para Washington Couto, os centros de especialidades médicas espalhados pelo estado fazem parte da iniciativa do Governo da Bahia de descentralizar os serviços da saúde, possibilitando que as pessoas recebam todo o atendimento médico necessário no interior e não apenas o da atenção básica. “Estamos investindo em unidades como essas para que a população seja atendida onde está, sem precisar se deslocar, trazendo mais conforto para o povo do interior e uma assistência mais rápida, com qualidade”.

Morador do município, o agricultor aposentado Eli Jorge de Santana disse que muita coisa mudou e segue mudando com a instalação do Cemed. “Antes nós íamos para cidades vizinhas como Ipiaú e Itabuna para consultas médicas. Agora melhora muito com os médicos mais perto de casa”.

A sensação de melhoria da qualidade de vida é compartilhada pela enfermeira Isabel Quadros, que vai trabalhar no Centro de Especialidades Médicas. “Os moradores daqui esperavam muito por consultas nos municípios vizinhos. Muitas vezes levavam o dia inteiro em outra cidade para serem atendidos”.

A expectativa é de que o atendimento seja ampliado, segundo o secretário de Saúde de Itagibá, Albano Novaes Filho. “A parceria entre o governo e o município só tende a ampliar a nossa capacidade de receber as pessoas aqui, e ainda negociamos a vinda de médicos de outras especialidades, o que resolve o problema de demanda que tínhamos aqui na cidade”.

Fonte: Secom
/Diresl/itagibá