Notícias /

Será dia 8 de novembro a Campanha Nacional de Vacinação contra a Pólio

14/10/2014 15:11

Será no dia 8 de novembro o Dia D da 35ª Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite. A informação é da coordenadora do Programa Estadual de Imunização da Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), Fátima Guirra. Neste dia, também acontece a Campanha de Seguimento contra o Sarampo e a implantação da vacina tríplice bacteriana – dTpa (acelular) para gestantes e profissionais de saúde que atuam em UTI neonatal e maternidades. A campanha vai abranger todos os 417 municípios e contará com 3.200 salas de vacina.

Este é o 25º ano que o Brasil comemora estar livre do poliovírus. Na Bahia, desde 1989 não acontece nenhum caso da doença. Em 1994, o país recebeu da Organização Mundial de Saúde (OMS), a certificação de área livre de circulação do poliovírus selvagem, juntamente com os demais países das Américas. “Mesmo assim, é fundamental a manutenção de todas as ações de vigilância e das medidas de controle e prevenção, até que aconteça a certificação mundial da erradicação deste agente infeccioso”, explicou Fátima Guirra.

Na Bahia, a meta é vacinar, no mínimo, 95% da população alvo, de forma indiscriminada, ou seja, 918.000 de um total de 965.456 crianças de 6 meses a menores de cinco anos de idade (6 meses a 4 anos 11 meses e 29 dias). Segundo Guirra, além da vacina oral poliomielite (VOP), o Programa Nacional de Imunização (PNI) recomenda que seja disponibilizada a vacina inativada poliomielite (VIP) durante a campanha, para crianças que estiverem iniciando o esquema contra a poliomielite, bem como naqueles que, coincidentemente, estejam na época de receber a dose do esquema sequencial, evitando assim a perda de oportunidade de vacinação.

Campanha, vacina tríplice viral (SRC)


O objetivo é resgatar menores de cinco anos ainda não vacinados e corrigir falha primária da vacinação contra sarampo e da rubéola, visando garantir a manutenção do estado de eliminação do sarampo e rubéola no país. Vacinar no mínimo 860.366 crianças, o que representa 95% da população alvo, ou seja, todos os municípios devem atingir de forma homogênea, este percentual de cobertura, para evitar a manutenção ou formação de bolsões de não vacinados. A vacina é indicada para crianças de 1 a 4 anos, 11 meses e 29 dias.

A Bahia, no período de 24 de fevereiro a junho de 2014 realizou, com indicação da Coordenação Nacional de Imunização a Campanha Indiscriminada com a vacina tríplice viral (SCR) em crianças de 1 ano a menores de 5 anos. Foram incluídos os 16 municípios da 1ª Regional de Saúde e o município de Porto Seguro, na 8ª Diretoria Regional de Saúde. Nestes 17 municípios foram vacinadas 225.507 crianças nesta faixa etária, o que corresponde 93,58%. Destes, oito atingiram a meta de 95% (Candeias, Mata de São João, Pojuca, Salvador, São Francisco do Conde, São Sebastião do Passé, Vera Cruz e Porto Seguro) permitindo a homogeneidade de cobertura igual a 47%. “A vacinação, conjuntamente com as atuais ações de vigilância epidemiológica, diagnóstico, atenção básica e o atendimento de média e alta complexidade possibilitarão, prevenir, controlar e eliminar algumas doenças imunopreveníveis”, finalizou a coordenadora.

L.S./M.Tb.909-Ba
/multivacinação/35ª campanha