Notícias /

AMA busca apoio da Sesab para construir Centro Multifuncional

31/03/2015 22:12

Nesta terça-feira, 31, durante reunião com a Associação dos Amigos dos Autistas (AMA) e representantes da Secretaria da Educação (SEC), o secretário da Saúde do Estado, Fábio Vilas-Boas, orientou a associação a formatar um projeto que atenda os pré-requisitos para contratar com o Estado.

Representantes da AMA vieram à Secretaria da Saúde do Estado (Sesab) para buscar apoio na área da saúde e da educação para a construção de um Centro Multifuncional de atendimento a pessoas com autismo. O centro será dividido em módulos, onde atuará na intervenção precoce, Atendimento Educacional Especializado (AEE) , além de módulo ocupacional e profissionalizante.

O subsecretário de Gestão, Carlos Emanuel Rocha de Melo, explicou que o projeto da Ama, para conseguir convênio com o Estado, deverá atender aos princípios básicos da contratação com a esfera pública que são: acesso universal, gratuito, integral e igualitário, além de ser situado em local de alta densidade demográfica e atender a população de baixa renda.

A doença: A partir do último Manual de Saúde Mental (DSM-5) todos os distúrbios do autismo, incluindo o transtorno autista, transtorno desintegrativo da infância, transtorno generalizado do desenvolvimento não-especificado (PDD-NOS) e Síndrome de Asperger, fundiram-se em um único diagnóstico chamado Transtornos do Espectro Autista (TEA).

O TEA se caracteriza pela dificuldade na comunicação e na interação social e comportamentos repetitivos. Pode ser associado a deficiência intelectual, dificuldades de coordenação motora e de atenção e poderá ainda ter problemas de saúde física. Além disso, poderá apresentar deficit de atenção e hiperatividade, dislexia ou dispraxia e dificuldade de aprendizado. Na adolescência podem desenvolver ansiedade e depressão.

Segundo dados estatísticos, a cada 110 nascidos vivos, um nasce com autismo.

Ascom/Sesab
Reunião/AMA

Ascom/Sesab
Reunião/AMA

Notícias relacionadas