Notícias /

Consórcios de Saúde são alternativa para os municípios

09/04/2015 22:41

O secretário da Saúde do Estado, Fábio Vilas-Boas, fez um balanço positivo no segundo dia da apresentação dos Consórcios de Saúde aos prefeitos e secretários das regiões de Jequié e Itaberaba.

O evento, que ocorreu nesta quinta-feira (9), no auditório da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, em Salvador, faz parte das diretrizes adotadas pelo secretário para efetivar a implantação dos consórcios, uma vez que nestas reuniões os gestores municipais têm a oportunidade de esclarecer todas as dúvidas relacionadas ao projeto. O secretário ainda irá se reunir com mais 24 regiões de saúde.

De acordo com Fábio Vilas-Boas, prefeitos e secretários estão percebendo que os consórcios “são uma ferramenta para resolver o problema da média complexidade da saúde”, avaliou o secretário.

Ele ainda acrescentou que a próxima etapa fica sob a responsabilidade dos municípios que é a escolha das cidades-sede para a construção das policlínicas. E, para isso, a região de Jequié já saiu do evento com reunião marcada com os representantes da saúde e vereadores.

O prefeito de Marcionílio Souza, Adenilton Meira, convocou os prefeitos da região de Itaberaba e os secretários de saúde para discutir o projeto “a fim de darmos uma resposta o mais rápido possível para o estado, pois não podemos ficar de fora”, pontuou o prefeito.

Consórcios

O objetivo é suprir a carência que existe entre a atenção básica de saúde e a alta complexidade, com a construção de policlínicas de especialidades e exames como tomografia, mamografia, ultrassonografia, raio X e ressonância. As metas para o programa são de 28 consórcios e policlínicas. Até 2016 está previsto a construção de 10 policlínicas ao custo médio de R$ 12 milhões, cada. As unidades serão construídas pelo Estado e mantidas pelos consórcios ao valor médio de R$700 mil por mês. Este valor será dividido entre estado (40%) e municípios consorciados (60%).

S.C/ DRT 3135/BA
Consórcios/municípios

Notícias relacionadas