Notícias /

Hospital Couto Maia tem mudanças no Pronto Atendimento

22/04/2015 13:35

Em função da mudança no perfil dos pacientes atendidos no Hospital Couto Maia (HCM), bem como na estrutura física do Pronto Atendimento (PA) da unidade hospitalar, que conta com apenas quatro leitos de observação, foram introduzidas alterações no Pronto Atendimento, que passou a atender pacientes referenciados ou regulados.

Segundo a diretora do Couto Maia, Ceuci Nunes, as mudanças no perfil do PA, que já estão em vigor, foram decorrentes da queda importante das internações por meningites, após a implantação das vacinas para os três principais agentes no PNI (Programa Nacional de Imunização), e o aumento das internações de portadores de Aids e Aids associada à tuberculose.

Com as mudanças no perfil do HCM está sendo priorizado o atendimento aos pacientes com doenças infecciosas e parasitárias, objetivo primordial da unidade. Com as mudanças, o PA não está atendendo pacientes de demanda espontânea. O atendimento a pacientes com quadro clínico ou suspeita de doenças infecciosas e parasitárias deve ser através de encaminhamento pela Central Estadual de Regulação.

Para avaliação da infectologia é necessário relatório médico, com descrição do quadro e suspeita diagnóstica. Os casos de atendimento eletivo com infectologia devem ser orientados a marcar consulta no ambulatório do hospital, telefone 3316-3084, ramal 238 ou 251.

Os casos de estudo do Líquor devem ser encaminhados com solicitação médica, após contato com médico plantonista, no telefone 3316-3084, ramal 243 ou 220, enquanto os casos de abuso sexual devem ser encaminhados com solicitação médica, de psicólogo, assistente social ou autoridade policial.

Casos de acidente com material biológico devem ser encaminhados ao Couto Maia com solicitação médica ou de enfermeiro. Caso o evento ocorra durante a noite ou final de semana. Durante a semana e até 17 horas, a referência para atendimento continua sendo o Cedap – Centro Estadual Especializado em Diagnóstico, Assistência e Pesquisa.

A diretora do HCM finaliza esclarecendo que os casos que necessitam de internação, cujos pacientes foram avaliados em ambulatório, consultório médico, Cedap ou CAASA, além do relatório médico, é necessário contato prévio com o médico plantonista, através do telefone 3316-3084, ramal 243 ou 220.

Ascom/Sesab
Couto Maia/mudanças

Notícias relacionadas