Notícias /

Hospital Martagão Gesteira completa 50 anos de atendimento à população infantil

15/05/2015 11:55

Uma parceria entre a Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) e o Hospital Martagão Gesteira (HMG) vai resultar na abertura de 10 leitos neonatal cirúrgicos; um Centro de Referência para Autismo e o desenvolvimento de um projeto para transplante hepático, que começará a funcionar no início de 2016.

O anúncio dessas ações foi feito pelo subsecretário da Sesab, Carlos Emanuel Melo, durante uma Sessão Especial da Assembléia Legislativa, em homenagem aos 50 anos do HMG, que ocorreu na quinta-feira (14).

Ele ressaltou a importância da unidade de saúde, que é voltada para o atendimento na área infantil em mais de 20 especialidades e tratamento de alta complexidade, como neurocirurgia, oncologia e cardiologia.

Carlos Emanuel ainda destacou o desafio do Estado em atender às demandas dos 417 municípios da federação. “Nós fazemos um esforço hercúleo para cumprir o que a constituição determina na área da saúde. E as instituições filantrópicas, como o Martagão Gesteira, têm desempenhado um importante papel neste sentido”, disse o subsecretario.

O diretor do hospital, Durval Oliviere, agradeceu a homenagem e a toda a sua equipe, e pontuou os esforços que são necessários para realizar cerca de 700 cirurgias e quatro mil atendimentos, por mês. “Todos trabalhamos para salvar vidas, desde os porteiros, incluindo até as mães, que nos ajudam no nosso dia a dia”.

E para muitas mães, o hospital não é apenas um local para atendimento médico. A maioria faz algumas de suas refeições no hospital, e outras crianças chegam a estudar lá mesmo, como explicou Silene Santos Oliveira, mãe de um menino de 10 anos, que desde os dois faz tratamento de leucemia no hospital. “Há oito anos minha rotina é levar meu filho para o tratamento no Martagão. Todas às vezes que nós vamos, tomamos nosso café da manhã no hospital e meu filho também freqüenta as aulas por lá”.

A homenagem contou com deputados, representantes da Ordem dos Advogados da Bahia, Rotary Club, da Secretaria Municipal de Saúde, membros da sociedade civil, além das mães com seus filhos que são atendidos na instituição.

O Hospital

Fundado em 1965, o Hospital da Criança, como é chamado, foi o primeiro hospital pediátrico do Norte-Nordeste e o pioneiro nos mais importantes serviços de assistência voltados à criança. Hoje a instituição é referência na saúde infantil, reunindo mais de 20 especialidades e 220 leitos para atender crianças que chegam da capital e interior. São mais de quinhentos atendimentos diários, com destaque para os tratamentos complexos, como Oncologia, Neurocirurgia, Cardiologia, entre outros.

Notícias relacionadas