Notícias /

Cedeba marcará Dia Mundial do Diabetes com reforço de educação

20/10/2015 15:12

“Qualidade de Vida e Diabetes” foi o tema que Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab), por meio do Centro de Diabetes e Endocrinologia da Bahia (Cedeba), elegeu para marcar o Dia Mundial do Diabetes, 14 de novembro, conforme recomendações da Sociedade Brasileira de Diabetes-2015 (site www.diabetes.org.br). Por entender que a educação é passaporte para melhor qualidade de vida dos pacientes, o Cedeba, por meio da Coordenação de Educação e Apoio à Rede (Codar), realizará no dia 6 de novembro a Universidade do Diabetes (UNIDIA), com atividades temáticas, distribuídas nas seguintes faculdades: Corpo e Mente, Medicamentos, Alimentação Saudável e Saúde Cidadão.

Tendo como público alvo pacientes com diabetes matriculados no Cedeba, a Unidia funcionará na sede da unidade, nos turnos matutino e vespertino, com 100 participantes por turno, sendo 25 por faculdade. O evento envolverá 50 profissionais do Cedeba, entre administrativos e corpo técnico (médicos, enfermeiros, assistentes sociais, psicólogos, nutricionistas e farmacêuticos). Os participantes terão oportunidade de interagir com os profissionais de saúde algumas atitudes do seu dia a dia para fortalecerem seu auto cuidado tais como: a praticada atividade física, uso correto de medicamentos (aplicação de insulina e comprimidos), hábitos da alimentação saudável e seus direitos e deveres

Educação Integra o Tratamento

A educação, como explica a assistente social da Codar Júlia Coutinho, faz parte do tratamento do diabetes numa perspectiva de levar o maior número de informações possíveis sobre a patologia e a sua forma de tratamento. A clínica ampliada na atualidade – pontuou – é vista como um dos processos de trabalho mais eficazes para a adesão do tratamento, tendo em vista que o olhar crítico e reflexivo das equipes envolvidas nos processos educativos despertam nas pessoas com diabetes o interesse de buscar ferramentas que propiciem atitudes do “despertar para o auto gerenciamento”, possibilitando, assim autonomia nas suas decisões cotidianas mediante acordo com a equipe de saúde que o acompanha.

Após a passagem pelas faculdades, serão avaliados os pés dos pacientes para identificação de alterações, como: uso de calçados inadequados, calos, unhas encravadas, micoses em unhas e entre os dedos, pele ressecada, além de orientações higiênicas para o dia a dia. A atividade envolverá médicos residentes e equipe multidisciplinar do Ambulatório de Prevenção do Pé.

Nos Municípios

Além das atividades na sua sede, a Sesab, por meio do Cedeba, como vem fazendo todos os anos, motiva os gestores municipais de saúde para que invistam em ações educativas que possibilitem prevenir ou retardar o aparecimento do diabetes nos seus munícipes, divulgando à população a importância da prática de atividade física diária, alimentação saudável, controle do ganho de peso e tratamento adequado proporcionando assim a seja melhor qualidade de vida.

E o Dia Mundial do Diabetes, 14 de Novembro, pela mobilização em todo o mundo, é uma oportunidade especial para um trabalho concentrado, focado na prevenção e nos cuidados para garantir maior qualidade de vida aos pacientes com diabetes. A data foi definida pela Federação Internacional de Diabetes (IDF), entidade vinculada à Organização Mundial da Saúde (OMS), e introduzida no calendário em 1991, como resposta ao alarmante crescimento do diabetes em todo o mundo.

Conheça as Faculdades da UNIDIA

As Faculdades serão identificadas pela cor e terão temáticas específicas:

Temática: Direitos e deveres do portador de diabetes com ênfase na Lei 11.347 de 2007 e pessoas em situações especiais.

Temática: Importância de praticar exercícios mentais para proporcionar uma boa saúde mental.

Temática: Identificar os alimentos que contém carboidrato; Estabelecer metas de carboidrato/refeição; manter constante a quantidade de carboidrato dia a dia.

Temática: aplicação e conservação de insulina, uso dos hipoglicemiantes orais.

A.M. V. Mtb 694/Ba
Cedeba/dia