Notícias /

Mutirão de cirurgia de catarata começou hoje (21) em Valença

21/01/2016 19:11

Começou nesta quinta-feira (21) o primeiro mutirão de cirurgias de catarata de 2016 da cidade de Valença. Somente na manhã de hoje, foram realizados 206 atendimentos. A expectativa é que, até amanhã, cerca de 1200 pessoas passem por consulta e triagem. A ação é uma iniciativa da Santa Casa de Misericórdia de Valença, através de contrato firmado com a Secretária de Saúde do Estado da Bahia (SESAB), em parceria com o DayHorc – Hospital de Olhos Ruy Cunha e com o apoio da Paróquia do Sagrado Coração de Jesus, Igreja Matriz.

Os pacientes serão submetidos à cirurgia já neste sábado (23) e domingo (24), quando se estima realizar, aproximadamente, 200 procedimentos. Na próxima segunda (25), passarão por revisão médica. Estão aptos a serem atendidos aqueles que tiverem a partir de 60 anos de idade ou que possuam diagnóstico prévio de catarata, sendo necessário efetuar cadastro através da Secretaria de Saúde Municipal e apresentar identidade e cartão do Sistema Único de Saúde (SUS).

Ao reconhecer a existência de vazios assistenciais e baixa cobertura de serviços oftalmológicos nos municípios, a Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) busca ampliar o acesso da população nesta área.”Institucionalmente temos o compromisso de ampliar e descentralizar o acesso aos mais diversos serviços de saúde, mas a oportunidade de fazer uma pessoa voltar a enxergar seus filhos e netos quando acometida por uma doença como a catarata, é um diferencial social”, afirma o secretário da Saúde do Estado, Fábio Vilas-Boas, que cita ainda a Santa Casa de Valença como uma das referências desse serviço na Bahia que possui aporte de recursos estaduais oriundos do Sistema Único de Saúde (SUS).

O provedor da Santa Casa de Misericórdia de Valença, Guido Araújo Magalhães Junior, também destaca a importância dessa iniciativa: “a Santa Casa tem feito grande esforço e aceita o desafio de realizar um mutirão dessa proporção, com a mobilização de colaboradores e voluntários, apenas pela grandeza dessa ação, que beneficia Valença e tantas outras cidades. A Secretaria de Saúde do Estado mostra, mais uma vez, que acredita nos propósitos da nossa instituição “.

O mutirão vem suprir não somente a demanda da população valenciana, mas de outras cidades baianas: “fiquei feliz em saber que Valença voltou com esse serviço. Há um ano venho tentando marcar minha cirurgia na cidade de Itabuna e não consigo”, diz o senhor João Pedro Brito, 68 anos, natural de Igrapiúna. A busca da senhora América Santos, 74 anos, natural de Valença, dura ainda mais tempo: “essa será a minha primeira cirurgia de catarata. Há quatro anos venho tentando realizar”.

Ascom Valença

Notícias relacionadas