Notícias /

Reunião de Aperfeiçoamento da Gestão teve apresentação do Ciave

28/04/2016 18:03

“Tornar consciente todos os aspectos da gestão”. Com esta expectativa, o superintendente da Atenção Integral à Saúde (SAIS), José Raimundo Mota, abriu a oitava edição do Programa de Aperfeiçoamento da Gestão, que ocorreu nesta quinta-feira (28), no auditório do prédio anexo ao Hospital Geral Roberto Santos (HGRS).

Ele acrescentou que este é um dos objetivos das reuniões mensais, implantadas pela Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), que reúne gestores das unidades de saúde e centros de referencia da capital e do interior.

Para José Raimundo, é compartilhando experiências, sobretudo em tempos de crise, que é possível crescer.

Um dos pontos alto das reuniões é a possibilidade que cada gestor tem de expor suas dificuldades e, com isso, a equipe de técnicos da Sesab terá condições de formatar a sua gestão de forma que seja possível atender estas demandas.

“Além de trazer os gestores para perto de nós, também iremos até suas unidades para conhecermos os seus problemas in loco”, pontuou o diretor da Gestão da Rede Própria, Jassicon Queiroz.

Ele acrescentou que já é possível perceber um movimento em diversas unidades, no sentido de diminuir gastos e otimizar custos. E ressaltou: “sabemos que na ponta (nas unidades de saúde) é muito mais difícil, pois se lida diretamente com o paciente”.

Para agilizar os processos de aquisições e contratações, Jassicon Queiroz pediu que a sua equipe aponte os erros mais recorrentes de cada unidade no ato da formalização dos processos, para que seja possível fazer um ” “gerenciamento caso a caso e apontar soluções”.

Hoje, além da apresentação dos técnicos da Sesab, foi a vez de o diretor do Centro Antiveneno do Estado (Ciave), Daniel Rebouças, fazer uma retrospectiva dos 35 anos do Ciave e descrever sua atuação, que vai desde o fornecimento de soros antipeçonhentos , atendimento de urgência a pacientes intoxicados, análises toxicológicas de urgência, monitoramento terapêutico de fármacos, até atendimento a pessoas que tentam suicídio.

Ascom/Sesab
Roberto Santos/Gestão

Notícias relacionadas