Notícias /

Unidade de registros civis do HGRS é inaugurada com oferta de serviços inéditos

02/05/2016 19:43

Em continuidade à série de intervenções realizadas pela Secretaria da Saúde do Estado (Sesab) para otimizar o atendimento no Hospital Geral Roberto Santos (HGRS) e garantir a cidadania da população baiana, um novo serviço de utilidade pública foi entregue aos pacientes do hospital nesta segunda-feira (2). Trata-se da Unidade Interligada do Cartório dos Registros Civis das Pessoas Naturais, que é pioneira nesta modalidade em oferecer o número do Cadastro de Pessoas Físicas (CPF) na certidão de nascimento e também na possibilidade de obtenção de guia de sepultamento quando registrado o óbito.

Na cerimônia de inauguração, o secretário da Saúde, Fábio Vilas-Boas, destacou a concentração de esforços feita pelo Estado para beneficiar, cada vez mais, o usuário do sistema: “melhoramos a infraestrutura de tecnologia da informação a fim de tornar possível a implantação dos registros civis e nossa intenção é fazer o serviço crescer. Este tipo de ação facilita muito a vida do paciente, encurtando distâncias quando não se há tempo a perder”.

Vilas-Boas, que também representou o governador Rui Costa no ato, fez questão, ainda, de ressaltar o empenho da atual diretoria do HGRS: “esta gestão vem imprimindo um ritmo de mudanças ao Roberto Santos. O diretor-geral, Antonio Raimundo Pinto de Almeida, provou que, com um planejamento baseado em metas e resultados, temos condições de evoluir na qualidade do atendimento e dos serviços, reduzindo custos, o que é melhor. As reformas dentro do hospital e a chegada de novos equipamentos vão torná-lo referência em novas áreas, como a de neurocirurgia”.

O diretor-geral, então, aproveitou a oportunidade para agradecer a parceria da Sesab e do Tribunal de Justiça do Estado da Bahia (TJBA). “Parabenizo o secretário Fábio Vilas-Boas e os membros do Tribunal de Justiça por tornarem real esta ideia. Do ponto de vista da cidadania, a agilidade de um posto de cartório no HGRS é fundamental. Uma atitude simples que faz grande diferença no cotidiano das pessoas”, pontuou.

Funcionamento da unidade cartorária

A Unidade Interligada do Cartório dos Registros Civis das Pessoas Naturais do Hospital Geral Roberto Santos funciona no térreo da instituição. Os registros podem ser feitos das 8h30 às 17h, de segunda a quinta, e até às 16h, às sextas-feiras.

Para obter o registro do filho nascido no HGRS, os pais devem apresentar a Declaração de Nascido Vivo (DNV) e qualquer documento original (com o número do RG e foto). É necessário que, pelo menos, o pai esteja presente para cadastrar as duas filiações. Se a mãe comparecer sozinha, a certidão fica sem o nome do pai. Quando o declarante for menor de idade, ele precisa estar acompanhado do pai ou da mãe. A certidão é gerada na hora, com o número do CPF da criança (para isso, os números de CPF dos pais são necessários).

O registro de óbitos ocorridos no Roberto Santos pode ser feito por qualquer parente maior de idade, com a apresentação do documento original (com RG e foto) do falecido e documento original (com RG e foto) do declarante, além da Declaração de Óbito (DO). A certidão e a guia de sepultamento (para ser entregue no cemitério) são geradas imediatamente.

Ascom HGRS
Roberto Santos /inaugura cartório

Notícias relacionadas