Notícias /

Equipe da UAVC do Hospital Roberto Santos promove treinamento para enfermeiros

24/05/2016 17:18

Como parte do calendário de comemorações pelo quarto aniversário da Unidade de Acidente Vascular Cerebral do Hospital Geral Roberto Santos, a equipe da área ofereceu, durante a manhã desta terça-feira, 24, o minicurso Identificação e intervenções eficazes nos acidentes vasculares cerebrais isquêmicos hiperagudos no HGRS. Com abertura dos coordenadores da UAVC, o treinamento contou com a presença de enfermeiros da instituição anfitriã e de representantes do Hospital Geral Ernesto Simões Filho (HGESF), que recentemente ampliou sua emergência.

“Se nossa principal preocupação é identificar com agilidade a vítima de AVC, pois tudo que não queremos é que ocorra óbito ou incapacitação, o treinamento constante da equipe é fundamental. Na terapia trombolítica, tratamento utilizado para AVC isquêmico, o tempo é o fator mais importante. Então, quanto mais atualizados os profissionais, maior será a chance de êxito rápido”, explicou o neurologista Pedro Antonio Pereira, idealizador da unidade no HGRS. Ao se colocar à disposição para fornecer informações a quem se interessar no dia a dia do hospital, o médico acrescentou: “a revalidação do conhecimento deve acontecer sempre”.

Ludimila Muniz, coordenadora de Enfermagem da UAVC, promoveu dinâmicas para que o público relatasse os desafios de salvar pacientes graves. Em seguida, a enfermeira discorreu sobre a ocorrência do AVC na vida das pessoas: “além de lidar com o acidente vascular cerebral diariamente, desde a inauguração da UAVC do HGRS, posso falar de experiências com a doença na minha própria família. Infelizmente, o AVC é comum e a maior causa de morte no Brasil. Mas, no Hospital Roberto Santos, o que a gente não admite é falta de assistência. Aqui, observamos e cuidamos de perto. A parceria estabelecida pela equipe multiprofissional é responsável pelos resultados positivos que conquistamos, apesar das estatísticas gerais”.

Constaram ainda na programação do minicurso as abordagens sobre terapêuticas e prevenção de complicações; fluxo de atendimento à vítima de AVC no HGRS; e limites e possibilidades no cuidado ao paciente com AVC. O evento foi realizado no auditório do edifício anexo do Hospital Roberto Santos.

Ascom do Hospital Geral Roberto Santos
Roberto Santos//UAVC

Notícias relacionadas