Notícias /

Ação do Cedeba é enaltecida em Moção de Congratulação na Assembléia Legislativa

05/09/2016 17:05

A caminhada do Centro de Diabetes e Endocrinologia da Bahia (Cedeba) nos seus 22 anos de fundação, o crescimento do serviço, que exigiu ampliação do espaço físico e o reconhecimento como unidade de referência, não só estadual, mas também nacional e internacional, estão destacadas na Moção de Congratulação, de autoria da deputada estadual Fabíola Mansur (PSB), aprovada pela Assembléia Legislativa da Bahia.

A diretora, idealizadora e fundadora do Cedeba, Reine Chaves, disse que a homenagem da ALBA “é um estímulo positivo para a equipe prosseguir no seu propósito de prestar, no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS), serviço de qualidade à população que vem dos mais diferentes rincões da Bahia, em busca de atendimento especializado. A Moção destaca a diretora como “forte liderança e incansável batalhadora pelo tratamento de excelência do Cedeba, desde seu nascimento, há 22 anos”

A caminhada

A Moção destaca a trajetória do Cedeba, unidade de referência de média complexidade para assistência especializada aos portadores de diabetes e outras endocrinopatias. Inaugurado em 24 de março de 1994, funcionou inicialmente anexo ao Hospital Roberto Santos, teve sua primeira sede própria no Rio Vermelho em 1997. Em 2002, passou a ocupar o terceiro andar do Centro de Atenção à Saúde Professor José Maria de Magalhães Netto, da Sesab, em função da crescente demanda de seus importantes serviços.

“Devido à busca constante pela qualidade no serviço público, o Cedeba vem garantindo assistência especializada nas áreas de prevenção e tratamento das complicações do diabetes, obesidade e outras endocrinopatias. É referência para saúde básica no Estado. O diabetes é a sétima causa de morte no mundo e a sexta no Brasil, afetando hoje mais de 422 milhões de pessoas em todo o planeta”, destaca a Moção.

A Moção de Congratulação também reconhece que o serviço prestado pelo Cedeba é considerado de excelência na rede pública da Bahia pela comunidade, devido à qualidade do trabalho desenvolvido pela sua equipe multidisciplinar, unida e integrada, em sua maioria, desde a fundação, e composta por profissionais com reconhecida qualificação técnica. O Cedeba também forma e ensina, pois tem residência médica em endocrinologia e pesquisa.

Nesses 22 anos, conforme ressalta a Moção da deputada Fabiola Mansur, através de convênios de cooperação técnica, o Cedeba tem desenvolvido projetos em parceria com a Sociedade Brasileira de Diabetes (SBD), International Diabetes Center (IDC), de Minneapolis /Estados Unidos, Associação Latino – Americana de Diabetes (ALAD), Ministério da Saúde e Universidade Federal da Bahia, visando desenvolver projetos de assistência e protocolos clínicos para a saúde pública do Estado. “Vários trabalhos científicos foram realizados pelo Cedeba, resultando em publicações nacionais e internacionais. O Cedeba também treina e capacita centros municipais para acompanhamento dos tratamentos”.

Ascom do Cedeba
Cedeba/moção

Notícias relacionadas