Notícias /

Consórcio de Saúde abre processo seletivo para contratar 57 profissionais para policlínica de Jequié

23/12/2016 17:30

Está aberto o processo seletivo para a contratação de 57 profissionais de nível superior e médio para a policlínica de Jequié. O edital será publicado no Diário Oficial do Estado (DOE) deste sábado (24) e está disponível, na íntegra, nos sites da Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (www.saude.ba.gov.br) e da Fundação Cefet Bahia (www.fundacaocefetbahia.org.br).

O regime jurídico de contratação é o estabelecido pela Consolidação das Leis do Trabalho (CLT). Existem vagas para médico, enfermeiro, psicólogo, farmacêutico, nutricionista, ouvidor, assessor técnico, técnico em enfermagem, técnico em radiologia e assistente administrativo. As remunerações variam de R$ 1.188,13 a R$ 4.388,32.

A iniciativa é do Governo do Estado, por meio do Consórcio Público Interfederativo de Saúde da Região de Jequié. As inscrições ficam abertas até o mês de fevereiro de 2017.

Construção

Quatro policlínicas regionais de saúde estão em construção e com obras aceleradas, em Jequié, Teixeira de Freitas, Irecê e Guanambi. Com previsão de inauguração no primeiro semestre de 2017, as unidades serão geridas de forma compartilhada entre municípios e o Estado, por meio de Consórcio de Saúde. A meta é construir 28 policlínicas até o final de 2018, o que possibilitaria, simultaneamente, ampliar a oferta de serviços de média complexidade e descentralizar a assistência na Bahia.

As policlínicas oferecerão até 18 especialidades, além de serviços de apoio ao diagnóstico como radiografia, tomografia, ultrassonografia, endoscopia e ressonância magnética.

Cada policlínica custará cerca de R$ 20 milhões entre obras e equipamentos, que serão assumidos integralmente pelo Governo do Estado. Já a manutenção mensal será compartilhada entre o Estado, que financiará 40% dos custos, e os municípios consorciados, que vão cobrir os 60% restantes proporcionalmente à sua população.

Somente nas cidades de Jequié, Guanambi, Teixeira de Freitas e Irecê, que estão com, respectivamente, 32%, 30%, 24% e 27% das obras concluídas, a previsão é que as policlínicas sejam referência para aproximadamente 2 milhões de baianos que residem em 98 municípios do estado.

As próximas policlínicas serão construídas nos municípios de Salvador, Alagoinhas, Feira de Santana, Valença, Simões Filhos e Santo Antônio de Jesus, sendo a capital baiana a única com duas unidades.

Notícias relacionadas