Notícias /

Hospital Juliano Moreira discute sobre o uso de agentes tóxicos na tentativa de suicídio

20/01/2017 12:10

Em evento comemorativo ao Dia do Farmacêutico, 20 de janeiro, profissionais discutem na manhã de hoje sobre o uso de agentes tóxicos na tentativa de suicídio. O tema será apresentado pelo farmacêutico Jucelino Nery, coordenador técnico do Centro Antiveneno (Ciave).

Em 2016, foram registrados 3.094 casos de intoxicação exógena através do Sistema de Informação de Agravos de Notificação – Sinan, sendo 23,6% decorrentes de tentativa de suicídio. Segundo o farmacêutico JucelinoNery, o produto mais frequentemente utilizado é o medicamento (45%) e os raticidas (25%), principalmente o raticida clandestino conhecido como “chumbinho”.

Como medida preventiva da tentativa de suicídio, o farmacêutico ressalta a necessidade de se estar atento aos sinais de alerta de formação da ideia suicida: automutilação e/ou práticas autodestrutivas; mudanças marcantes no comportamento ou nos hábitos; isolamento social; interesse por sites e/ou redes sociais sobre suicídio; na adolescência: comportamentos típicos dessa fase, como agressividade, irritabilidade e impulsividade podem camuflar um quadro depressivo; em idosos: diminuição ou ausência de cuidados com o corpo, isolamento social e doenças crônicas.

Fonte: CIAVE
Juliano Moreira/palestra

Notícias relacionadas