Notícias /

Paciente diabético deve ficar atento ao colher exames em laboratório

06/02/2017 14:06

Frequentemente, as pessoas com diabetes necessitam colher exames em laboratório, e ficam em dúvida se tomam a medicação oral no dia da coleta e, se estão usando insulina, como agir. O que fazer? Aquelas pessoas que estão tomando comprimidos para o diabetes, deixe para tomá-los após ter colhido o exame e tomado o café da manhã.

A orientação faz parte do Manual Diabetes – o que Fazer em Situações Especiais, do Dr. Walter J. Minicucci, endocrinologista, e médico assistente de Endocrinologia e Metabolismo da Unicamp (São Paulo), que o Centro de Diabetes e Endocrinologia da Bahia (Cedeba) está divulgando para ampliar os conhecimentos dos diabéticos no Verão, tempo de mais viagens, férias e mudança de rotina.

Insulina

Se usar insulina, ela também só deve ser aplicada depois da coleta do sangue e de tomar o café da manhã, senão você corre o risco de ter hipoglicemia. Como fazer? A maior parte dos exames de laboratório não necessita de 12 horas de jejum, como recomendado pelos laboratórios. Dos exames geralmente solicitados no controle de pessoas com diabetes, só a dosagem de triglicérides necessita deste tempo de jejum.

Assim, se ele não for solicitado, o jejum deve ser oito horas. Se tiver que ficar mais tempo de jejum, dose a glicemia antes de sair para o laboratório. Se a glicemia estiver menor que 100mg/dl, deixe para colher o exame em outro dia. Atenção! Quando seu médico lhe solicitar exames de laboratório, peça para ele incluir dosagem de hemoglobina glicosilada, se este exame foi colhido há mais de 3 meses.

Amanhã (terça) o Cedeba continua divulgando cuidados para os pacientes diabéticos, mostrando como agir quando houver cetona na urina.

Ascom/Cedeba
Cedeba/llaboratório

Notícias relacionadas