Notícias /

Serviço de Nutrição do HEC fornece mais de 40 mil refeições mensalmente

21/03/2017 12:09

O serviço de Nutrição (SENUT) do Hospital Estadual da Criança (HEC) fornece mais de 40 mil refeições mensalmente para seus colaboradores, pacientes e acompanhantes. O setor trabalha buscando promover assistência nutricional pediátrica e o fornecimento de refeições balanceadas de acordo com padrões dietéticos e higiênicos exigidos pela legislação vigente, comprovados através de análises microbiológicas realizadas mensalmente por laboratório especializado.

Cerca de 1.600 atendimentos são realizados pelas nutricionistas clínicas e residentes de Nutrição da unidade hospitalar, dentre eles triagens de risco nutricional, avaliações antropométricas, atendimento para adequação do cardápio, avaliação e reavaliação de alcance de metas calórico-protéicas e ganho de peso ponderal, bem como orientações de alta e checagem de mais de 5.700 prescrições por mês.

Conforme a coordenadora do SENUT, a nutricionista Marina Andrade, o setor é dividido em cozinha geral, cozinha dietética e lactário. “Cada paciente recebe, em média, de seis a oito refeições diárias, a depender das necessidades nutricionais e planejamento nutricional da equipe de nutrição clínica. Seus acompanhantes também recebem as principais refeições diárias”, explica.

A nutricionista acrescenta: “O cardápio oferecido pelo SENUT, tanto para os pacientes quanto para os acompanhantes, tem padrão de qualidade considerando as boas práticas de manipulação de alimentos e variedade nas preparações, sendo o almoço, por exemplo, composto de prato principal (carnes e derivados), prato base (arroz e feijão), guarnição, saladas e sobremesa”.

Equipe

De acordo com Marina Andrade, “61 funcionários fazem parte da equipe do SENUT, os quais trabalham em todo o processo de produção, desde o planejamento do cardápio até a sua execução. Tudo isso baseando-se nas necessidades estimadas pela equipe clínica”, declara. A nutricionista frisa que, além das mais de 40 mil refeições servidas mensalmente, o SENUT do HEC fornece ainda cerca de 270 litros de dietas específicas e uma média de 1.700 litros de dietas preparadas no lactário.

“Assim que o paciente é internado no hospital, a equipe de nutricionistas realiza uma triagem de risco nutricional para avaliar o nível de atendimento necessário ao tratamento daquele paciente e, assim, adequar a prescrição dietoterápica aos hábitos alimentares de cada um. Na pediatria, a atenção é redobrada para que a alimentação esteja o mais próximo possível do que as crianças consomem em casa (dentro das recomendações nutricionais para a idade)”, pontua Marina Andrade.

StrongKids

Vale ressaltar que o SENUT do HEC utiliza o questionário StrongKids (Nutritional Risk Screening Tool In Hospitalized Children), considerado padrão ouro para triagem de risco nutricional pela comunidade científica nacional e internacional, o qual traz scores que definem o nível de risco nutricional e a periodicidade do atendimento.

“O questionário consiste na anamnese e exame físico, nas avaliações – principalmente de perda de peso relatada pelo próprio paciente ou acompanhante -, diminuição do tecido adiposo e muscular analisada pelo investigador, e alterações da ingestão alimentar relativa ao habitual e capacidade funcional”, finaliza Marina Andrade.

Ascom HEC
/HEC/refeições

Notícias relacionadas