Notícias /

Contratada por meio do Projeto Primeiro Emprego, jovem conta como se sente realizada no HGRS

02/05/2017 19:10

Moradora do bairro de Pau da Lima, em Salvador, a estudante Vanessa Novais Reis de Jesus acredita que o ano de 2016 foi de muita sorte. Enquanto muitos torceram o nariz para o ano que passou, ela se viu bem longe da crise: foi aprovada no Programa Universidade Para Todos (ProUni), alcançando o sonho de cursar Logística na Faculdade DeVry | Ruy Barbosa, e conquistou, ainda, a tão desejada vaga no mercado de trabalho, por meio do Projeto Primeiro Emprego, do Governo da Bahia.

Com 20 anos de idade, a jovem, que atua no Almoxarifado do maior hospital do Norte e Nordeste, o Hospital Geral Roberto Santos (HGRS), já se sente realizada profissionalmente, apesar de enxergar um caminho de muito mais sucesso pela frente. “Todo empregador quer um funcionário com experiência, mas poucos dão a chance de experiência a uma pessoa que acaba de sair do Ensino Médio. Eu, hoje, consigo colocar em prática a teoria que aprendo na faculdade. Além disso, não dependo mais do meu pai para pagar minha graduação”, conta.

Vanessa, em quase um semestre no hospital, trabalhou na Comissão Setorial Permanente de Licitação (Copel – HGRS) e, após avaliação do seu perfil, foi transferida para o Almoxarifado Central da instituição: “foi importante passar pela Copel, onde aprendi sobre licitações e contratos, mas o que eu queria mesmo era estar no Almoxarifado. Fiquei feliz quando o diretor me chamou e ofereceu a troca, principalmente pela possibilidade de também mexer nos sistemas. Me sinto, inclusive, capaz de resolver problemas em meu setor”.

Mesmo com outra formação anterior, como técnica em Logística pelo Centro Estadual de Educação Profissional (CEEP) Luiz Pinto de Carvalho, Vanessa só havia tido uma oportunidade no mercado de trabalho, como estagiária. “Me formei em 2015 e fiquei o ano de 2016 praticamente todo sem trabalho. Foi aí que, no final de 2016, me inscrevi no ‘Primeiro Emprego’ e fui chamada menos de um mês depois. Foi muito rápido”, descreve ela, acrescentando: “estou adorando meu trabalho e não penso, por enquanto, em atuar em um local diferente do hospital. Mas, se acontecer, tenho certeza que sairei daqui com um currículo bem melhor do que o currículo que entrei”.

Projeto Primeiro Emprego

Promovido pelo Governo do Estado da Bahia, o PP é um projeto social que visa garantir a inserção de jovens egressos e estudantes da Educação Profissional no mercado de trabalho. Por contemplar aqueles com melhores resultados, estimula, também, uma maior dedicação na sala de aula.

O Hospital Geral Roberto Santos conta, até o momento, com 11 jovens do ‘Primeiro Emprego’, distribuídos em setores administrativos e assistenciais. A meta do Governo do Estado é oferecer 4.500 vagas em 2016/17 e outras 4.500 em 2017/18, totalizando 9.000 vagas para a Bahia.

Ascom HGRS
/HGRS/primeiro emprego

Notícias relacionadas