Notícias /

Conferência Macrorregional Nordeste de Saúde das Mulheres

18/05/2017 19:30

Durante os dias 16 e 17 de maio, o município de Alagoinhas sediou a Conferência Macrorregional Nordeste de Saúde das Mulheres. A mesa de abertura do evento contou com a presença da secretária estadual de Políticas para Mulheres (SPM), Julieta Palmeira, o coordenador do Núcleo Regional de Saúde (NSR) de Alagoinhas, Rogério Ramos, o diretor do Centro de Cultura de Alagoinhas, Tárcio Mota, representantes dos Conselhos Nacional e Estadual de Saúde, Maria Soraia e Maria Evangelista, respectivamente, a subsecretária de saúde de Alagoinhas, Maria Angela, a representante do Conselho Estadual dos Secretários Municipais de Saúde da Bahia (Cosems), Luciane Vasconcelos e a representante da comissão organizadora da 1ª Conferência Estadual de Saúde para Mulheres (1ª CESMu), Maria Ângela.

Ainda na noite de terça-feira (16), os participantes assistiram à palestra “Saúde das Mulheres – Desafios para a integralidade com equidade”, com a doutora em Saúde Pública, Gisélia Santana. A noite de abertura contou também com o lançamento da tenda Maiza Teles, organizada em homenagem à sanitarista e servidora pública estadual, Maiza da Conceição Dias Teles, falecida em janeiro de 2017. “A idéia da tenda, que traz um modelo Paulo Freiriano, é trazer as discussões de saúde de forma mais tranquila e homenagear esta mulher que tanto lutou pelo SUS”, contou Samantha Andrade, sanitarista e uma das idealizadoras da tenda. A tenda trouxe também a discussão da violência contra as mulheres, com a participação de membros da guarda municipal de Alagoinhas, responsáveis pela Ronda Lei Maria da Penha, sessão de massoterapia, roda de conversas e música.

Durante toda a quarta-feira (17), o Centro de Cultura de Alagoinhas foi transformado em um centro de fomento e discussão de saúde e políticas para as mulheres. Na manhã os participantes acompanharam o diálogo temático sobre os eixos da 1ªCESMu (O papel do Estado, O mundo do trabalho, Vulnerabilidade nos ciclos de vida, Políticas públicas e participação social) com a participação dos convidados Marcus Souza, professor da UNEB e membro do CES, Roselia Gastel , especialista em Gestão de políticas de gênero e raça (UFBA), Flávia Reis representante da SPM-BA e a professora Gisélia Santana. À tarde, os participantes se dividiram em eixos para a formulação das propostas que irão para a etapa estadual, por fim a eleição das propostas e delegados.

Para Flávia Reis, os espaços de conferências são importantes pela participação da sociedade civil. “Nós do seguimento de gestão institucional precisamos ouvir o que sociedade civil diz para daí começar a planejar as nossas ações”, afirmou Flávia, que trabalha diretamente com a Caravana “Cravos e Rosas” que objetiva sensibilizar e engajar a população no combate à violência contra as mulheres, projeto da SPM-BA.

Conferências – Etapa Macrorregional

As Conferências Macrorregionais têm por objetivo analisar as prioridades constantes no Documento Orientador e elaborar propostas para o fortalecimento das ações de implementação da Política Nacional e Estadual de Atenção Integral da Saúde das Mulheres.

Para cada Etapa Macrorregional será criada uma comissão organizadora local composta por um membro da Comissão Organizadora Estadual, um membro da Comissão de Comunicação e Mobilização Estadual e um membro da Comissão de Relatoria Estadual, representantes dos Núcleos Regionais de Saúde, membros do COSEMS, Conselhos Municipais de Saúde, Movimentos Sociais entre outros, vinculada à Comissão Organizadora Estadual.

Fonte: DAB

Notícias relacionadas