Notícias /

Sesab promove capacitação para profissionais da Casa de Parto da Mansão do Caminho

20/06/2017 17:51

O aleitamento materno é a estratégia que isoladamente mais previne mortes em crianças menores de cinco anos. Muitos são os esforços governamentais, dos profissionais de saúde e da sociedade no sentido de promover, proteger e apoiar esta prática, destacando-se a implementação de políticas e ações para propiciar à criança o melhor início de vida possível.

Neste sentido a Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), por meio da Diretoria da Gestão do Cuidado, Coordenação do Cuidado por Ciclo de Vida e Gênero, Área Técnica de Saúde da Criança, realizou nos dias 13 e 14 de junho de 2017, um Curso Manejo Clínico da Lactação para a equipe de profissionais do Centro de Parto Normal da Mansão do Caminho. Na oportunidade, participaram 55 profissionais, entre médicos, enfermeiros, fisioterapeutas, psicólogos, técnicos de enfermagem e doulas visando capacitar a equipe em cumprimento a uma das etapas para o credenciamento da Iniciativa Hospital Amigo da Criança (IHAC) e Cuidado Amigo da Mulher (CAM).

No Brasil, o Ministério da Saúde coordena estratégias importantes de promoção, proteção e incentivo ao aleitamento materno, contando com o apoio de Organismos Internacionais, secretarias de Saúde Estaduais e Municipais, Rede Brasileira de Bancos de Leite Humano, Hospitais Amigos da Criança, Sociedades de Classe e ONGs.

Em decorrência da grande preocupação com a mortalidade infantil a Secretaria de Saúde do Estado da Bahia vem trabalhando na perspectiva de credenciar estabelecimentos de saúde que prestem assistência materna e infantil na Iniciativa Hospital Amigo da Criança e Cuidado Amigo da Mulher – IHAC/CAM.

A IHAC tem como critérios globais a adesão aos “Dez Passos para o Sucesso do Aleitamento Materno” e ao Código Internacional de Comercialização dos Substitutos do Leite Materno (no caso do Brasil, a Norma Brasileira de Comercialização de Alimentos para Lactentes e Crianças de Primeira Infância, Bicos, Chupetas e Mamadeiras (NBCAL) pelas maternidades certificadas. Os dez passos são Recomendações que favorecem a amamentação a partir de práticas e orientações no período pré-natal, no atendimento à mãe e ao recém-nascido ao longo do trabalho de parto e parto, durante a internação após o parto e nascimento e no retorno ao domicílio, com apoio da comunidade.

Dentre os “Dez Passos para o Sucesso do Aleitamento Materno” está a capacitação da equipe hospitalar que trabalha com mães e bebês para informar sobre as vantagens e o correto manejo do aleitamento materno e sobre as desvantagens do uso dos substitutos do leite materno, das mamadeiras e das chupetas, entre outros.

Fonte: DGC
/saúde da mulher/mansão do caminho