Notícias /

Cedeba realiza projeto de qualificação para a área técnica administrativa

11/07/2017 13:26

O Centro de Diabetes e Endocrinologia da Bahia (Cedeba) dá início na próxima segunda-feira (10) a um Projeto de Qualificação da Área Técnica Administrativa, discutindo sobre o Sistema Único de Saúde e a Política de Humanização. Tendo como público alvo os servidores que desempenham suas atividades na área administrativa, o projeto visa promover a capacitação dos servidores, proporcionando aos mesmos os instrumentos necessários ao melhor desenvolvimento da sua função enquanto servidor público.

No primeiro módulo do projeto será discutido o tema “Entendendo o Sistema Único de Saúde – SUS e a Política de Humanização”, tendo como facilitadoras a fisioterapeuta Neila Pereira e a assistente social Simone Matos. Com carga horária de quatro, a qualificação ocorrerá nas seguintes datas: Turma I, dia 10, de 08h às 12h; Turma II, dia 13, de 8h às 12h; Turma III, dia 17/07, das 14h às 18h e Turma IV dia 20/07, de 14h às 18h.

O CEDEBA

O Cedeba, Unidade de Referência de Média Complexidade para assistência especializada aos portadores de diabetes e outras endocrinopatias, desde sua fundação em março de 1994, tem suas atividades desenvolvidas de acordo com os princípios do SUS, como por exemplo: Universalidade de Acesso, Integralidade da Atenção à Saúde, Descentralização das Ações, Eqüidade e Participação Social.

Tendo como uns dos itens de sua missão a capacitação e desenvolvimento de recursos humanos, a unidade busca alcançar “padrões humanizados, éticos e de qualidade” na execução dos seus serviços. Dessa maneira, o Núcleo de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde (NUGETS), através da Coordenação de Desenvolvimento de Pessoas (Codep), contribui para o alcance dos objetivos da instituição preconizando as Políticas Nacional e Estadual de Humanização.

No que se refere à missão de capacitar e desenvolver recursos humanos, o NUGETS, através da Codep, se apoia nos princípios e diretrizes das referidas políticas que trazem a Valorização do Trabalhador e o Protagonismo, Corresponsabilidade e Autonomia dos sujeitos e coletivos como estratégias, para construir ambientes de trabalho saudáveis e serviços de saúde humanizados, eficientes e eficazes.

Ao promover a capacitação dos trabalhadores, ratifica-se a ideia de que são as pessoas que constroem e movem as instituições nas quais estão inseridas e, portanto tem grande responsabilidade na imagem e qualidade do serviço produzido. Sendo assim, para alcançar o objetivo da capacitação é fundamental que os trabalhadores compreendam o seu local de trabalho e a importância da função desempenhada por cada um deles.

Ascom/Sesab
Cedeba/RH