Notícias /

Iperba promove II Seminário para discussão da sífilis na gestante e recém-nascido

26/07/2017 15:05

O Instituto de Perinatologia da Bahia (Iperba), por meio da sua Comissão de Controle de Infecção Hospitalar (CCIH), realizou, nessa terça-feira (25), o II Seminário de Sífilis na Gestante e no Recém-Nascido. O evento reuniu profissionais e estudantes de saúde do Iperba, além de enfermeiros e médicos dos Distritos Barra/Rio Vermelho, Boca do Rio, Brotas e Saramandaia.

A iniciativa da realização de um seminário para discussão da sífilis – infecção sexualmente transmissível – partiu do Colegiado Ampliado (grupo formado por representantes de cada Distrito e Colegiado Gestor do Iperba, que se reúne mensalmente na instituição), diante do crescente número de casos registrados no Iperba e em outras unidades de saúde.

A bactéria causadora da sífilis pode gerar desde lesões em pele e mucosa, até comprometimento em múltiplos órgãos com complicações oculares, ósseas, cardiovasculares e neurológicas. Na gestante, a infecção pode ser transmitida ao bebê o que traz sérias conseqüências para o recém-nascido, a curto e longo prazo, devendo ser tratada corretamente assim que diagnosticada.

A síflis tem cura, e a mulher internada no Iperba pode ser tratada na própria unidade, juntamente com o seu companheiro e filho. As unidades básicas de saúde também oferecem tratamento para a mulher e o homem.

Fonte: Iperba
Iperba/seminário sífilis

Notícias relacionadas