Notícias /

Notificação de intoxicação exógena é discutida em curso

11/08/2017 18:31

Técnicos do Centro de Informações Antiveneno (Ciave) participaram da 5º Edição do Curso “Implementação da notificação de agravos e doenças relacionadas ao trabalho”, ocorrido esta semana, numa iniciativa promovido do Centro de Referência em Saúde do Trabalhador (Cerest) de Salvador.

O curso tem o objetivo de difundir o conhecimento sobre agravos e doenças relacionadas ao trabalho (ADRT), além de ampliar sua notificação através do Sinan, e abordou, entre outros assuntos, a notificação de intoxicações exógenas.

Participaram do evento técnicos de várias unidades de saúde do município que atuam na notificação através doSistema de Informação de Agravos de Notificação (Sinan).

Em 2016 foram notificadas, através do Sinan, um total de 3.292 intoxicações no Estado, sendo 248 (7,5%) foram relacionadas ao trabalho. Destes casos, 58 ocorreram em Salvador. O Ciave, por sua vez, registrou a ocorrência de 94 intoxicações deste tipo no mesmo período, o que demonstra uma elevada subnotificação no Sinan.

De acordo com Valdélia Menezes, técnica do Ciave, os profissionais precisam reconhecer a importância da notificação e a necessidade de melhorar a qualidade das informações. Com esse objetivo, elaborou-se durante o evento o Plano de Ação para Implementação da Notificação de Agravos no município de Salvador.

Fonte: Ciave
Ciave/trabalho

Notícias relacionadas