Notícias /

Hemoba promove Seminário sobre Doença Falciforme para pacientes do ambulatório

25/10/2017 19:43

A Fundação de Hematologia e Hemoterapia da Bahia (Hemoba) realiza no dia 27 (sexta-feira), das 8h às 11h30, um Seminário voltado para pacientes com doença falciforme. O objetivo é esclarecer os aspectos clínicos sobre a doença, tratamento multidisciplinar, além de promover e incentivar a troca de experiências.

O evento acontece no auditório do Hemocentro Coordenador da Hemoba, localizado na ladeira do HGE, em Brotas e conta com a participação das palestrantes Mityo Kawasaki, Fernanda Spinosa e Fátima Souto. Os pacientes interessados em participar podem realizar as inscrições de forma gratuita, presencialmente, no serviço social do ambulatório ou através do e-mail: consulta.ambulatorio@hemoba.ba.gov.br.

A Hemoba é o principal centro de referência do estado da Bahia para pacientes com doença falciforme, com aproximadamente 4.800 pacientes cadastrados. Para Larissa Rocha, coordenadora do serviço ambulatorial, a ação tem o objetivo de estimular a integração e promover orientações para os pacientes cadastrados. “O nosso objetivo é orientar sobre aspectos da doença, tratamento e promover maior interação entre os pacientes e equipe assistencial”, explica a coordenadora.

Programação

8h – Recepção e cadastramento

8h20 – Abertura do evento – Dra. Larissa Rocha

8h30 – Palestra – “Aspectos psicoemocionais da Doença Falciforme” – Psicóloga Mityo Kawasaki

9h20 – Coffee Break

9h40 – Palestra – “Autocuidado na Doença Falciforme” – Enfermeira Fernanda Espinosa

10h30 – Palestra – “Uso do Ácido Fólico, Hidroxiuréia e Deferasirox” – Farmacêutica Fátima Souto

11h20 – Encerramento do evento – Dra. Larissa Rocha

Sobre a doença

A Hemoba é referência para tratamento das pessoas com doença falciforme e responsável também pela assistência transfusional e farmacêutica, incluindo a dispensação de medicamentos de alto custo, como Hidroxiureia e Deferasirox. A instituição realiza, ainda, Doppler transcraniano e curativos para úlceras maleolares. Os atendimentos são realizados por hematologistas pediátricos e adultos, equipe de enfermagem, fisioterapeutas, dentistas, psicólogos e assistentes sociais.

Ascom Hemoba
/hemoba/falciforme

Notícias relacionadas