Notícias /

Hemoba de Feira de Santana passa a atender provisoriamente em novo endereço

10/11/2017 18:14

A Unidade de Coleta e Transfusão (UCT) da Fundação de Hematologia e Hemoterapia da Bahia (Hemoba), no município de Feira de Santana, passa a funcionar em um novo endereço, a partir da próxima segunda-feira (13). O atendimento aos interessados em realizar doação de sangue e cadastro de medula óssea vai acontecer, temporariamente, através da unidade móvel de coleta (Hemóvel), no Núcleo Regional de Saúde Centro Leste, localizado na Avenida Eduardo Fróes da Mota, ao lado do Hospital Geral Clériston Andrade.

De acordo com o diretor administrativo da Hemoba, Pablo Chehu, o objetivo da alteração é garantir o acesso dos doadores voluntários durante a reforma e ampliação do Hospital Geral Clériston Andrade (HGCA), onde funciona a sede da Hemoba, em Feira de Santana. “Para continuarmos garantindo o funcionamento da unidade, durante a reforma no HGCA, remanejamos o nosso atendimento – temporariamente, para o estacionamento do Núcleo Regional de Saúde (NRS), antiga 2ª Dires (Diretoria Regional de Saúde), garantindo o mesmo padrão de conforto e segurança aos nossos doadores durante todas as etapas do processo da doação”, afirma.

“A presença dos nossos doadores voluntários será indispensável para manter os estoques de sangue abastecidos. A expectativa é reforçar o estoque estratégico para atender com segurança a todos os pedidos de unidades de saúde e hospitais, além de sensibilizar a população feirense sobre a importância das doações regulares”, explicou a assistente social responsável pela captação de doadores da unidade, Márcia Almeida.

Mesmo com a mudança temporária, os dias e horários de atendimento aos candidatos interessados em realizar doação de sangue e cadastro de medula óssea permanecem os mesmos, de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 13h às 17h.

Sobre a doação de sangue

Doar sangue é simples, rápido e seguro. O organismo repõe o volume de sangue doado nas primeiras 24 horas após a doação. Todo o material utilizado na coleta é descartável, o que elimina qualquer risco de contaminação para o doador.

Para doar sangue, o voluntário deve estar em boas condições de saúde, pesar acima de 50 quilos, sendo necessário estar bem alimentado, tendo, preferencialmente, ingerido alimentos sem gordura. O doador precisa ter entre 16 e 69 anos de idade (menores de 18 anos devem estar acompanhados por um responsável legal) e apresentar documento original com foto, emitido por órgão oficial e válido em todo o território nacional.

Mais informações também podem ser acessadas nas páginas oficiais da Fundação no Facebook (fb.com/hemoba) e no Instagram (@hemobaoficial).

Ascom/Hemoba
/hemoba/Feira de Santana

Notícias relacionadas