Notícias /

Região de Seabra recebe o Mutirão de Cirurgias a partir do dia 28

14/11/2017 22:11

A população da Região de Saúde de Seabra vai receber, a partir do dia 28, o Mutirão de Cirurgias do Governo do Estado. Esta ação, desenvolvida pela Secretaria da Saúde do Estado, vai beneficiar os pacientes que estão aguardando a realização de cirurgias de: hérnias (umbilical, inguinal, epmuigástrica), histerectomia e colecistectomia. As consultas serão realizadas em unidades móveis que ficarão estacionadas na Praça da Bandeira (Seabra), no período de 28 de novembro a 1º de dezembro.

A capacidade diária de consultas será de 180 pacientes, começando a partir das 7h, encerrando quando o último paciente for atendido. Desta vez, serão mais 15 municípios da Região de Seabra beneficiados pelo Mutirão de Cirurgias: Abaíra, Boninal, Ibitiara, Iraquara, Lençóis, Mucugê, Novo Horizonte, Palmeiras, Piatã, Souto Soares e Seabra. As cirurgias começam a ser feitas a partir do dia 3 de dezembro no Hospital da Chapada, que será inaugurado no dia 1º de dezembro.

Para ser atendido no Mutirão, que é um programa do Governo do Estado, executado pela Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab), os pacientes devem ser cadastrados pelas Secretarias Municipais de Saúde em uma lista única, ou devem ter exames laboratoriais indicando a necessidade de realizar uma das cirurgias oferecidas pelo programa.

No caso de cirurgia de vesícula, os pacientes precisam estar em jejum para a realização do exame de ultrassonografia (USG). Para as mulheres que farão o procedimento de histerectomia, será preciso levar o exame preventivo atual e, se ainda menstruam, devem levar também o exame Beta HCG.

Para saber se a pessoa está cadastrada para passar pela cirurgia, basta consultar a lista única, disponível no seguinte endereço: http://mutiraodecirurgias.saude.ba.gov.br/. Também, o paciente ou responsável poderá ir até a Secretaria Municipal de Saúde de seu município, para saber se o seu nome consta na lista para a realização do procedimento.

Ascom Sesab
/cirurgias eletivas/Seabra

Notícias relacionadas