Notícias /

Hospital Regional Dantas Bião promove Workshop: Triângulo de Avaliação de Feridas

18/01/2018 17:26

Hospital Regional Dantas Bião (HRDB) promoveu, nesta quinta-feira (18), o Workshop: Triângulo de Avaliação de Feridas, que é uma metodologia voltada para avaliação não somente do leito da lesão, mas de outras áreas que também são importantes como a margem de pele que está em volta da lesão e as bordas, para direcionar a melhor decisão em relação ao tratamento.

O evento foi uma iniciativa da direção da unidade e realizado  através do Núcleo de Educação Permanente em Saúde (NESP), Núcleo de Educação do Paciente (NSP) e Serviço de Controle de Infecção Hospitalar (SCIH) para os profissionais da área de enfermagem hospitalar.

Para Lashime de Andrade, enfermeira responsável pelo NESP,  iniciativas como esta de capacitação profissional são importantes já que lesões de etiologia variada acometem grande parte dos pacientes internados.

“Muitas delas representam um grave problema de saúde pública devido ao grande número de pacientes acometidos, gerando aumento da média de internação, aumento do custo do tratamento e impacto negativo na qualidade de vida”, destacou.

A palestrante, Gabriella Coutinho, destacou o tema  Triângulo de Avaliação de Feridas – Uma nova abordagem. Ela afirmou  que a iniciativa da direção foi importante para aperfeiçoar o trabalho já realizado no HRDB.

“Nós profissionais precisamos nos manter atualizados para prestarmos uma assistência de qualidade  e, com certeza, os participantes desse workshop, saíram daqui com mais conhecimentos que usarão em seus pacientes”.

O evento abordou   ainda como utilizar o Triângulo de Avaliação de Feridas e a nova ferramenta estruturada e intuitiva de avaliação, diagnóstico correto e desenvolvimento de um plano de cuidados simples e eficaz para o tratamento de feridas.

O tratamento de feridas vem evoluindo com técnicas e medicamentos adequados para que se possam obter melhores resultados nas Unidades de Saúde, dessa forma a qualificação dos profissionais é essencial.

 Fonte: Ascom HRDB

Notícias relacionadas