Notícias /

Secretaria da Saúde do estado contesta Cremeb

29/03/2018 21:38

Não procede a informação do médico ortopedista e conselheiro do Cremeb, Fernando Cal Garcia, sobre uma suposta desassistência ortopédica infantil. A Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) esclarece que as instituições privadas e filantrópicas exercem um serviço complementar no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS) em relação a rede própria do estado. Neste sentido, de forma pactuada entre a Sesab e o Hospital Martagão Gesteira, o Hospital do Subúrbio passou a absorver a demanda de ortopedia, que era, em média, 30 pacientes por mês. Cabe ressaltar que o Hospital Martagão Gesteira, que é administrado pela Liga Álvaro Bahia Contra a Mortalidade Infantil, ainda possui diversos contratos com o Governo do Estado que totalizam mais de R$ 33 milhões por ano, a exemplo dos serviços de Cardiologia Pediátrica, Neurocirurgia e Cirurgia de Urgência. Além destes, o Estado mantém contratos nas áreas de desospitalização de crianças com doenças crônicas, assistência domiciliar sem ventilação e com ventilação, bem como leitos de UTI Neonatal.

Notícias relacionadas