Notícias /

Assistência a gestantes em cárcere é tema de trabalho científico de profissional do HGRS

12/04/2018 14:16

Com objetivo de fomentar políticas públicas de saúde e protocolos assistenciais que atendam às necessidades de gestantes em cárcere, o técnico em enfermagem da unidade de terapia intensiva (UTI) pediátrica do Hospital Geral Roberto Santos (HGRS) Mailton Duarte produziu um resumo científico no formato de relato de experiência. Ele, que é graduando em enfermagem pela Universidade Salvador (Unifacs), foi aprovado pela comissão científica do X Encontro Baiano de Estudantes de Enfermagem (Ebeen) e apresentará o trabalho na condição de autor principal, no dia 30 de abril.

De acordo com Mailton, a percepção do cuidado em saúde das mulheres privadas de liberdade tem se tornado um desafio para os profissionais e gestores do sistema prisional brasileiro. “A atuação da enfermagem deve estar atrelada ao favorecimento do conforto, consoantes aos princípios éticos que norteiam o cuidado, alicerçados na teoria das necessidades humanas básicas. O acolhimento a esta mulher é primordial, e acolher é reconhecer que o outro traz como legítima e singular necessidade de saúde”, detalha.

O relato, conforme conta ele, descreve a percepção de discentes de enfermagem. Os autores observaram, ainda, que há receio daqueles envolvidos no cuidado quanto a uma reação violenta das condenadas. “Foi discutida a questão da segurança e manutenção da vida dos profissionais de saúde durante a assistência ao parto. Concluímos que, para a assistência de enfermagem, surgirão demandas que exigirão do enfermeiro, além do conhecimento técnico-científico, um preparo psicossocial para atuar com populações privadas de liberdade, tendo como meta a promoção do bem-estar físico da gestante em cárcere”, destaca Mailton.

Desde o primeiro semestre da graduação, Mailton – que hoje cursa o quinto período – está no caminho da produção científica, com trabalhos aprovados e apresentados em congressos nacionais, além de cinco pesquisas publicadas em anais. Este relato de experiência teve a participação dos discentes Carlos Alexandre Silva, Jane da Cunha e Rute dos Anjos.

 Ascom HGRS
/HGRS/gestantes