Notícias /

Setembro Verde: Hospital da Mulher exerce papel de destaque em ranking municipal de captação de córneas

09/09/2019 17:57

Conscientizar a população sobre a importância do ato de doar órgãos e tecidos. Com este objetivo, a campanha Setembro Verde celebra o Dia Nacional da Doação de Órgãos, comemorado em 27 de setembro.

A equipe multiprofissional do Hospital da Mulher Maria Luzia Costa dos Santos, localizado no Largo de Roma, em Salvador, abraçou a causa e exerce papel de destaque no ranking municipal de captação de córneas do Banco de Olhos da Bahia, ao configurar como o segundo hospital do município que mais realiza captações de córneas.

Desde janeiro, 34 captações já foram realizadas pela unidade. Com isso, o Hospital da Mulher passou à frente de hospitais que funcionam em sistema ‘porta aberta’. Conforme ressalta a presidente da Comissão Intra-Hospitalar de Doação de Órgãos e Tecidos para Transplantes (CIHDOTT) do Hospital da Mulher, Aline botelho, o quantitativo de pacientes que aguardam na fila para transplante vem diminuindo, mas ainda há muito o que caminhar. “Por este motivo, formamos uma rede de apoio com o engajamento de toda a equipe multiprofissional. Enfermeiros, psicólogos, médicos e assistentes sociais trabalham para conseguir um “sim” do familiar da doadora”, afirma.

De acordo com a Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), a negativa familiar é um fator preocupante, uma vez que apenas 30% dos entrevistados para a doação de órgãos e tecidos dizem sim à doação.

Atualmente, 636 pessoas aguardam na fila de espera. “Com o foco em ajudar o próximo, vamos zerar esta fila!”, anseia Aline.

Córneas

A córnea funciona como uma lente sobre a íris, focando a luz da pupila na direção da retina. Conforme o Ministério da Saúde, para o bom funcionamento da córnea, é necessário que ela tenha transparência satisfatória e curvatura adequada.

Em casos de não integridade, ela se torna desfocada e a luz passa a não alcançar a retina, o que prejudica a visão. Com o transplante da córnea, é possível melhorar a visão ou corrigir defeitos oculares que põem em risco a anatomia ou a função do olho.

Mais informações sobre transplantes podem ser obtidas através do site: www.saude.ba.gov.br/transplantes

 

Notícias relacionadas