Notícias /

Dia Mundial da Sepse tem ação no Hospital Clériston Andrade

13/09/2019 14:59

O Hospital Geral Clériston Andrade (HGCA) realizou uma ação de impacto em alusão ao Dia Mundial da Sepse, celebrado no dia 13 de setembro. A atividade foi promovida pela Comissão de Controle à Infecção Hospitalar (CCIH), com o apoio de estudantes de uma escola técnica de enfermagem e com o objetivo de conscientizar e dar maior visibilidade à problemática da doença. De acordo com o Instituto Americano da Sepse (ILAS), pelo Menos 430 mil brasileiros tem sepse todos os anos. Desses, 200 sobrevivem.

Os alunos fizeram uma paródia sobre a sepse e ao som do violão e instrumentos de percussão percorreram clínicas e enfermarias da unidade. No corredor principal foi montado um estande com um boneco (bob) simulando um paciente com a doença, além de distribuição de álcool gel e panfletos educativos.

A sepse é uma resposta sistêmica do organismo a uma infecção, que pode ser causada por bactérias, vírus, fungos ou protozoários. Quando não diagnosticada e tratada rapidamente, ela pode comprometer o funcionamento de um ou vários órgãos do paciente e levar até a morte. Qualquer processo infeccioso – seja uma pneumonia ou infecção urinária – pode evoluir para um quadro de sepse.

Notícias relacionadas