Notícias /

Seminário sobre segurança do paciente marca o terceiro ano do HGE 2

27/09/2019 16:15

O II Seminário da Qualidade e Segurança do Paciente, iniciado na manhã desta sexta-feira (27), marcou o terceiro ano de funcionamento do Hospital Geral do Estado 2 (HGE 2). O evento, que reuniu diretores e servidores da unidade, foi aberto pelo diretor médico do HGE, Jorge Matheus, que, representando o diretor geral, André Luciano Santana, afirmou que o HGE 2 “veio complementar a assistência prestada pelo antigo HGE, dando uma grande otimizada em relação ao atendimento aos pacientes, além ampliar o número de leitos de UTI, de 23 para 64, e duplicar o número de leitos de internamento”.

Em mensagem dirigida ao corpo funcional do HGE 1 e 2, o diretor geral das unidades ressaltou que a homenagem deve ser prestada a todos os funcionários e colaboradores da casa. “Este hospital tem alma. Enquanto pudermos servir com honra e dignidade todos os pacientes que necessitam do nosso atendimento, esta alma será imortal”.

Com 161 leitos, sendo 52 de Terapia Intensiva (UTI), a unidade é uma das mais importantes do Estado, contabilizando, desde a sua entrada em funcionamento, mais de 15.500 procedimentos cirúrgicos realizados. O HGE 2 integra o complexo que abrange o HGE, unidade que em abril deste ano completou 29 anos. O hospital é referência no atendimento a queimados e urgências de cirurgia geral, traumato-ortopedia, cirurgia oftalmológica (proveniente de trauma), cirurgia plástica reparadora, cirurgia torácica, cirurgia buco-maxilo facial e cirurgia de coluna. Para o secretário da Saúde do Estado, Fábio Vilas-Boas, a inauguração do HGE 2 possibilitou ampliar a assistência, desafogando o HGE 1 e oferecendo maior qualidade na assistência aos pacientes.

O complexo do HGE, para atender os mais de 60 mil pacientes por ano, conta com um moderno parque de imagem, com dois tomógrafos, raio-x e ressonância magnética. Há dois anos, foi inaugurado o Centro de Bioimagem do HGE, que integra a Parceria Público Privada (PPP) de Diagnóstico por Imagem, e funciona com ressonância magnética de 1,5 Tesla, com capacidade de realizar cerca de 650 exames por mês. A bioimagem já conta com dois tomógrafos computadorizados de 16 canais.

SEMINÁRIO

O II Seminário de Qualidade e Segurança do Paciente prossegue até o final da tarde, abordando temas como o paciente e família, protagonistas do cuidado, limites e desafios; acolhimento do paciente/família no contexto hospitalar e comunicação de má notícia.

Com o tema central “Paciente e família como protagonistas do cuidado seguro”, o encontro foi organizado pela Núcleo da Qualidade e Segurança do Paciente, com apoio do setor de Recursos Humanos do HGE. Durante a instalação do seminário, a coordenadora do Núcleo, Rosângela Loisitte, lembrou que o mês de setembro é o mês da Segurança do Paciente, quando se “celebra o cuidado seguro, um cuidado qualificado, que só é possível com a participação de todos: gestores, profissionais da saúde, familiares e pacientes”.

Rosângela ressaltou ainda que o Núcleo de Segurança do Paciente do HGE foi criado em 2015, e desde então, vem dialogando com todos os setores do hospital, buscando disseminar uma cultura de segurança.

Notícias relacionadas