Notícias /

Sesab promove campanha de combate à sífilis e à sífilis congênita

04/10/2019 15:00

A Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab), em alusão ao Dia Nacional de Combate à Sífilis e Sífilis Congênita, que acontece no terceiro sábado do mês de outubro, promove campanha em todo o estado, com o objetivo de reduzir o número de novos casos da doença, realizar o diagnóstico precoce e ofertar o tratamento em tempo oportuno.

Dezessete unidades da rede materno-infantil participarão da mobilização com programação especial durante a semana de 19 a 26/10, sendo que 26/10 (sábado) será o dia “D”, com ações de conscientização, prevenção e tratamento da sífilis. Dentre as atividades programadas, teremos roda de conversa, distribuição de preservativos, realização de testes rápidos, aconselhamento e início imediato do tratamento, caso necessário.

Sífilis, doença sexualmente transmissível
A sífilis é uma infecção sexualmente transmissível (IST), declarada como grave problema de saúde pública, transmitida pelo agente Treponema Pallidum. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), acomete mais de 12 milhões de pessoas no mundo e a sua eliminação é um desafio para os serviços de saúde.

É uma doença de transmissão vertical. Estima-se que no período gestacional, a sífilis leva a mais de 300.000 mortes fetais e neonatais por ano no mundo, além de aumentar o risco de morte prematura em outras 215.000 crianças. Na Bahia, no período de 2014 a 2018, foram registrados no Sinan 29.860 casos de sífilis adquirida. Do total de casos, 15.199 (50,8%) ocorreram em pessoas do sexo masculino.

Notícias relacionadas