Notícias /

Cresce a teleorientação para pacientes do Cedeba

01/04/2020 16:55

A equipe médica do Centro de Diabetes e Endocrinologia da Bahia (Cedeba) não pára, apesar da suspensão do atendimento nos ambulatórios com a pandemia do Coronavírus. Na falta da consulta presencial, a equipe formada por 20 médicos telefona para seus pacientes, na data agendada para o atedimento, vê exames (por e-mail ou Whatsapp), tira dúvidas e dá orientações específicas e, também, sobre a COVID19.

A endocrinologista Flávia Resedá, na coordenação do Serviço de Teleorientação do Cedeba, pede aos pacientes com consultas marcadas que mantenham seus celulares ligados. Mas o paciente também pode fazer contato pelo e-mail criado para esse atendimento, de fácil memorização cedeba.fiqueemcasa@gmail.com, pelos telefones (71)3103-6011/ 3103-6012 ou pelo whatsapp 71 98608-4142O. O horário do atendimento ė de segunda a sexta – feira, das 8 às 17 horas.

O serviço de teleorientação ė feito pelo médico do paciente. O trabalho é muito importante, como avalia a diretora do Cedeba, Reine Chaves, porque além de fazer o paciente sentir-se acolhido, há situações em que as orientações são imprescindíveis. Citou como exemplo os casos de pós-bariátrica que estão sendo orientados pelos médicos do Núcleo de Obesidade.

OS NÚMEROS

No período entre 23 a 25 de março de 2020 foram avaliados 137 processos de medicamentos especiais e a partir do dia 26 de março foram realizados, entre avaliação de processos e Teleorientações um total de 499 atendimentos.

A Unidade mantém as farmácias funcionando para garantir a entrega de medicamentos de uso continuado aos seus usuários, possibilitando disponibilização para período de 60 a 90 dias, de acordo com o estoque. Nas farmácias (Componente Especializado, Centro de dispensação de análogo de insulina e Farmácia Básica) foram realizados 1189 atendimentos no período de 23 a 31 de março de 2020, entre dispensações, atendimento farmacêutico e do Serviço Social. Essas farmácias dispensam medicamentos para Salvador e Região Metropolitana, que não estão disponíveis em outras Unidades de Saúde do SUS.

O CEDEBA realiza aplicações de medicamentos especiais para pacientes portadores de Puberdade Precoce e Acromegalia de todo o Estado da Bahia. Diante da impossibilidade do deslocamento dos pacientes do Interior do Estado, continuam sendo aplicadas as injeções principalmente para Salvador e Região Metropolitana, bem como para aqueles do Interior do estado, que com transporte particular, conseguem chegar à Unidade. Foram atendidos 70 pacientes na sala de aplicação do CEDEBA no período de 23 a 31 de março de 2020.

PACIENTES SATISFEITOS

A satisfação dos pacientes com o atendimento do Cedeba nesse momento tão difícil para toda a sociedade vem sendo manifestada com muitas mensagens de agradecimento.

A paciente Rosane Paixão pontua esse sentimento:

“Quero agradecer à equipe do Cedeba pela brilhante ideia em nos ajudar através desse contato pelo Wattsapp, eu me encontrava desesperada sem saber o que fazer para entregar o resultado dos meus exames e biópsia após minha cirurgia de tireóide”.

“Através desse canal a Dra Ana Luiza pode fazer o ajuste necessário da minha medicação que estava com a dosagem baixa e me causando vários sintomas desagradáveis tipo: muito sono, fraqueza e desânimo. Muito obrigada a Dra Ana pela atenção. Continuem a ajudar a todas as pessoas que estão com suas dificuldades”.

A MUDANÇA

A suspensão do atendimento presencial no Cedeba foi para proteger os pacientes – os diabéticos que fazem parte do grupo de risco para o Coronavírus. representam 50% dos usuários.

O plano elaborado pelo Cedeba para teleorientação aos pacientes foi aprovado pelo Centro de Operações de Emergências (COE),da Sesab. Contempla portadores de diabetes e complicações, além de patologias da tireoide e outras doenças endócrinas, cuja falta de atendimento poderia resultar na necessidade de busca às emergências, indo na contra mão do planejamento sanitário neste momento, explica Reine Chaves.

“E a satisfação dos usuários, espalhados pela imensa Bahia, mostra o nosso acerto de contribuir para evitar o avanço do Coronavírus, na esperança de vencer esse momento tão difícil”, destaca a diretora do Cedeba.

Notícias relacionadas