Notícias /

Hospital de Campanha da Fonte Nova recebe respiradores doados pela Fieb

03/06/2020 14:39

Mais 40 respiradores chegaram à Bahia, na manhã desta quarta-feira (3), para ampliar a oferta de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) exclusivos para pacientes com sintomas graves do novo coronavírus. Doados pela Federação das Indústrias do Estado da Bahia (Fieb) ao Governo do Estado, os equipamentos hospitalares já estão em Salvador e 20 deles serão instalados no hospital de campanha montado na Arena Fonte Nova. Os demais serão instalados no Hospital Espanhol.

“Desde o início da pandemia, a Fieb, sindicatos empresariais, indústrias e instituições representativas do setor produtivo, a exemplo da Fecomércio e Faeb, se uniram para ajudar a sociedade no combate ao novo coronavírus. Sabemos da importância destes equipamentos na luta para salvar vidas e decidimos dar nossa contribuição”, afirmou o presidente da Fieb, Ricardo Alban, nesta quarta.

Nas duas últimas semanas, o Estado recebeu, contando com esses 40 respiradores pulmonares doados pela Fieb, 259 equipamentos, que foram adquiridos anteriormente e agora estão sendo distribuídos para unidades de referência exclusivas para o tratamento da Covid-19, em todas as regiões da Bahia.

Na avaliação do secretário da Saúde do Estado, Fábio Vilas-Boas, a solidariedade do empresariado brasileiro é fundamental neste momento. “A rede de relacionamento, logística e recursos financeiros do setor privado auxilia estados e prefeituras de sobremaneira. Estes respiradores serão usados em casos graves de infecção pelo novo coronavírus na Bahia”, afirma Vilas-Boas. O Secretário ainda pontua que além dos equipamentos doados pela Fieb, a unidade na Fonte Nova contará com 60 respiradores enviados pelo Ministério da Saúde.

Hospital de Campanha da Fonte Nova

Às 16h30 desta quarta-feira (3), a diretoria da Fieb faz a entrega oficial dos equipamentos ao secretário estadual de Saúde, Fábio Vilas Boas. A imprensa interessada na cobertura poderá acessar o estádio pela Ladeira da Fonte, no setor de carga e descarga.

Com capacidade instalada de 100 leitos de UTI e 140 de enfermaria, o hospital montado na Arena Fonte Nova tem previsão de iniciar as atividades na sexta-feira (5) e vai receber pacientes por meio da Central de Regulação, portanto não será uma unidade de “porta aberta”, onde as pessoas podem ir espontaneamente.

Fonte:Secom

Notícias relacionadas