Notícias /

Confecção de Órteses de Baixo Custo do Hospital Geral de Vitória da Conquista recebe prêmio

05/12/2020 09:24

Em 2020, a Confecção de Órteses de Baixo Custo do Hospital Geral de Vitória da Conquista (HGVC) foi uma das ações ganhadoras do concurso Inovação no Setor Público, fomentado pela Escola Nacional de Administração Pública (Enap). O concurso, que é promovido anualmente desde a década de 1990, visa a valorização dos servidores que, em suas práticas, promovem inovações capazes de ampliar a qualidade dos serviços públicos.

Recebendo o prêmio dedicado ao terceiro lugar da categoria “Inovação em serviços ou políticas públicas no Poder Executivo estadual, do Distrito Federal e municipal”, a iniciativa da equipe de Terapia Ocupacional (TO) se destacou principalmente por utilizar de insumos já aplicados no ambiente hospitalar normalmente, sem que haja grande impacto nos recursos financeiros da instituição.

Em 2017, a equipe de TO do HGVC deu início à oficina de dispositivos de adequação postural para confecção de órteses de baixo custo. Desde então, o serviço tem se destacado dentro e fora da unidade, pois vem contribuindo com a recuperação dos pacientes e acelerando a rotatividade de leitos.

Depois que a equipe de TO passou a utilizar as adaptações de baixo custo, houve melhoras na prevenção contra escaras (feridas que surgem quando alguém passa muito tempo na mesma posição) e deformidades. Um paciente com escara costuma ficar mais de 30 dias no hospital por conta do risco de infecções. Portanto, a prevenção contra esse mal leva a um aumento considerável da rotatividade de leito. Além disso, ao receber alta, os pacientes levam os equipamentos para casa, para dar continuidade ao tratamento. Isso diminuiu também a quantidade de pacientes que retornavam à unidade para refazer o tratamento.

Atualmente, a equipe conta com cinco Terapeutas Ocupacionais: Amanda Letícia, Andrea Regina, Carla Ramos, Milena Carvalho e Patrícia Barreto. Foram elas que inscreveram a ação no concurso e assumiram todas as etapas do planejamento até a execução, sem contar com nenhum auxílio externo ao HGVC.

Por conta da pandemia, as etapas classificatórias foram realizadas virtualmente. Depois de ser construída pelas cinco Terapeutas Ocupacionais, a apresentação foi feita por Andrea, uma das integrantes da equipe.

Responsável pela única iniciativa selecionada na Bahia, a equipe de Terapia Ocupacional do HGVC será contemplada com o troféu destinado à unidade. Os membros receberão certificados e o direito de utilizar o Selo Inovação. Além disso, a equipe também integrará o Repositório Institucional da Enap e cada membro será habilitado a participar de eventos promovidos pela Escola Nacional de Administração Pública.

Atividades da TO

Entre o serviço público e o particular, o HGVC é o único hospital da região a contar com uma equipe de Terapeutas Ocupacionais, que age em diversos setores da unidade.

A equipe trabalha com tratamento e reabilitação de pacientes que apresentam alterações cognitivas, afetivas, perceptivas e psicomotoras, procurando aumentar ao máximo a qualidade de internamento do usuário. São inúmeros os desafios do dia-a-dia, pois cada paciente tem necessidades específicas, e o terapeuta ocupacional tem que oferecer a melhor maneira de lidar com a situação física e emocional.

Além do suporte durante o internamento, a TO assume a responsabilidade de instruir o paciente e seus familiares com relação à continuidade do tratamento após a alta médica. As dicas incluem o uso da cadeira de rodas, a maneira correta do banho e até como proceder para conseguir auxílio-doença ou gratuidade no transporte público.
A equipe desenvolveu uma cartilha com orientações que contribuem na reabilitação e adaptação, o que ajuda a desenvolver no paciente e seus cuidadores a autoconfiança.

Notícias relacionadas