Notícias /

A inserção de pessoas com TEA no mundo digital é tema de debate promovido pelo CRE-TEA

26/04/2021 15:30

A inserção de pessoas com transtorno do espectro autista (TEA) no mundo digital é o tema que será debatido num encontro virtual realizado nesta terça-feira, 27, às 14h. Promovido pelo Centro de Referência Estadual para Pessoas com Transtorno do Espectro Autista (CRE-TEA), o debate contará com a participação de especialistas da área e será voltado para profissionais da rede pública de ensino de todo o estado.

Participarão do encontro a psicóloga Bianca Fachinetti e o profissional de educação física Nelmo de Jesus, ambos do CRE-TEA. A inscrição é gratuita e pode ser feita pelo link: http://bit.ly/RodadeConversa_27_04. De acordo com os palestrantes, é importante destacar que pessoas com TEA não constituem um público homogêneo. Há gradações do espectro autista, o que torna cada individuo único. “Mas os atuais estudos sobre o uso das tecnologias digitais para o ensino de pessoas autistas demonstram o grande interesse e intimidade dessas pessoas com as ferramentas digitais”, ressalta Bianca.

Nelmo acrescenta que os indivíduos com TEA, assim como todas as outras pessoas, já estão, em sua maioria, inseridos no mundo digital. “O que podemos direcionar é o maior aproveitamento dessa inserção, a fim de trazer benefícios de ordem social, cognitivo, comportamental e funcional para esse público”, diz.

A ação faz parte do matriciamento do CRE-TEA, o principal objetivo da unidade, que é pioneira no país e fruto de uma parceria da Secretaria de Saúde do Estado (Sesab) com a Liga Álvaro Bahia Contra a Mortalidade Infantil. É por meio do apoio matricial que o Centro consegue contribuir para que profissionais de saúde e educação de diferentes municípios do interior do estado possam atender pacientes com TEA em seus locais de origem.

Ascom do CRE-TEA

Notícias relacionadas