Notícias /

Governo da Bahia amplia centro cirúrgico e implanta novos leitos e serviço de neurocirurgia no Hospital Regional de Guanambi

28/05/2021 17:50

A partir desta sexta-feira (28), o Hospital Regional de Guanambi ampliará em até 33% o quantitativo de cirurgias, com a inauguração do novo centro cirúrgico e a implantação do serviço de neurocirurgia. Além disso, a unidade passa a contar com seis leitos de PPP (pré parto, parto e pós parto) e cinco leitos do tipo UCINCa, que é uma Unidade de Cuidados Intermediários Canguru, onde o recém-nascido fica alojado juntamente com a mãe, recebendo assistência de forma especializada e humanizada. Representando o governador Rui Costa, o secretário da Saúde da Bahia, Fábio Vilas-Boas, fez a inauguração das novas áreas e serviços.

Para se ter a dimensão da importância do novo serviço, o secretário explica que “de janeiro a maio deste ano, a Central Estadual de Regulação transferiu 93 pacientes da região de Guanambi que precisavam de avaliação e internação neurocirúrgica para outras localidades, como Vitória da Conquista, Salvador, Ilhéus e Itabuna. Agora está disponível esse recurso para todos os pacientes no hospital regional, evitando assim, o deslocamento aéreo ou terrestre para outras regiões”, afirma Vilas-Boas, ao pontuar que esta é mais uma demonstração do compromisso do governador Rui Costa de ampliar e descentralizar a assistência à saúde.

Outra boa notícia para a região é o fortalecimento da rede materno-infantil. Além da implantação de seis leitos de PPP e cinco leitos do tipo UCINCa, o secretário anunciou a licitação da reforma e ampliação da maternidade regional de Guanambi e a construção de um Centro de Parto Natural (CPN). A estimativa é investir mais de R$ 13 milhões entre obras e equipamentos na maternidade e na construção do CPN. Após as intervenções, o Hospital Regional de Guanambi totalizará 150 leitos, sendo 45 leitos entre UTI adulto, neonatal e cuidados intermediários.

Centro de Parto Normal

Os Centros de Parto Normal (CPN) são ambientes estruturados com recursos para a realização de partos normais de baixo risco, tratando este momento como um processo natural, que faz parte da vida da mulher e para o qual seu corpo está preparado.

O serviço oferecido é voltado para as necessidades e segurança da gestante e do seu bebê, incentivando, ainda, a integração familiar em volta do nascimento, bem como a amamentação e o vínculo de afeto entre mãe, pai e bebê. “A implantação dessa estrutura em Guanambi possibilita, simultaneamente, ampliar e qualificar a assistência, bem como adequar o fluxo de atendimento, pois gestantes de baixo risco se direcionam equivocadamente para unidades de referência para o alto risco, explica o secretário da Saúde da Bahia, Fábio Vilas-Boas.

 

Notícias relacionadas