Notícias /

Hospital Estadual da Criança faz cirurgia inédita para correção de malformação intracraniana

10/08/2021 11:10

O Hospital Estadual da Criança (HEC) realizou o primeiro procedimento cirúrgico do interior do estado pelo SUS para tratamento de malformação arteriovenosa intracraniana. A cirurgia, de alta complexidade, possibilitou o tratamento de uma rara anomalia do sistema vascular cerebral de uma paciente de 13 anos. Ela consiste em um complexo de artérias e veias de diferentes tamanhos, malformadas durante o desenvolvimento do feto, que, ao se romperem, causaram acidente vascular cerebral (AVC) e hemorragia intracraniana.

O procedimento durou cerca de 6 horas e foi realizado pelos neurocirurgiões Alex Marques e Luis Eduardo. De acordo com Marques, a paciente apresentou boa recuperação e já recebeu alta hospitalar. “Uma angiotomografia pós-operatória foi realizada e constatamos o bom resultado do procedimento. Agora, ela segue em atendimento ambulatorial e não precisará mais passar por um novo procedimento cirúrgico”, esclarece o neurocirurgião.

Para o Diretor Médico da Unidade, Brunno Barros, este é mais um importante passo para a abrangência dos serviços de saúde ofertados na Bahia. “O HEC vem se empenhando constantemente para ofertar cada vez mais serviços de qualidade para a população de Feira de Santana e do interior do estado. Este procedimento representa mais uma conquista para garantia do cuidado da saúde das crianças na média e alta complexidade”.

Unidade do Governo do Estado, o HEC é gerido pela Liga Álvaro Bahia Contra a Mortalidade Infantil, entidade mantenedora do Hospital Martagão Gesteira.

Fonte: ASCOM/HEC

Notícias relacionadas