Notícias /

Equidade no acesso é tema da VII Sessão Clínica de Cuidados Paliativos no Hospital do Subúrbio

21/10/2021 17:34

Todos os anos, no segundo sábado do mês de outubro, é comemorado o Dia Mundial de Cuidados Paliativos. Para apoiar e reforçar a importância do tema, promovendo um espaço de debate e sensibilizando profissionais, o Hospital do Subúrbio (HS) realizou a sua sétima Sessão Clínica de Cuidados Paliativos, que teve como foco a equidade no acesso. O evento atraiu a atenção de colaboradores das mais diversas especialidades e setores, deixando o auditório cheio na tarde da última quinta-feira, 14 de outubro.

Apresentando desde o conceito de cuidados paliativos e os princípios que os norteiam até a necessidade de um acesso equitativo, a médica Cyntia Lins, presidente da Comissão de Cuidados Paliativos do HS, convidou os participantes a refletirem. Ao falar sobre a aplicação da proporcionalidade na prática dos cuidados paliativos, destacou ser imprescindível ponderar o que seria razoável ou não na assistência ao paciente. “É um exercício de ética voltado à dignidade da pessoa humana em seu sofrimento”, resumiu Cyntia.

Segundo a médica, que é coordenadora das UTIs Adulto do HS, os cuidados paliativos afirmam a vida, proporcionam alívio da dor e de outros sintomas angustiantes, além de integrar os aspectos psicossociais e espirituais aos cuidados do paciente. “O que se busca é a melhoria da qualidade de vida através do cuidado centrado na pessoa”, esclareceu. Todos os profissionais que compareceram à sessão clínica receberam um folder explicativo com informações sobre o tema e a Comissão de Cuidados Paliativos do hospital.

Para assistir os usuários considerados elegíveis para cuidados paliativos, o Hospital do Subúrbio conta com uma equipe multiprofissional focada nas necessidades dos pacientes e de seus familiares, acolhendo o paciente em todas as suas dores, seja física, emocional, social ou espiritual.

Ascom/Hospital do Subúrbio

Notícias relacionadas