Estratégias de Desinstitucionalização

As Estratégias de Desinstitucionalização são iniciativas que visam garantir às pessoas com transtorno mental e com necessidades decorrentes do uso de crack, álcool e outras drogas, em situação de internação de longa permanência, o cuidado integral, a promoção de autonomia, o exercício da cidadania e a progressiva inclusão social. Estes componentes de atenção são considerados os mais importantes para a Reforma Psiquiátrica Brasileira.

Percebida também enquanto ações indenizatórias, as Estratégias de Desinstitucionalização, através dos SRT, surgem como um aparato impulsionador do processo de Reabilitação Psicossocial para as pessoas que egressas de asilamento e com perdas de vínculos familiares e sociais.

  • Fluxo de Implantação para SRT