Notícias /

Governo da Bahia inaugura maior hospital de doenças infecciosas do Brasil

06/07/2018 10:06
Com o investimento de R$ 120 milhões entre obras e equipamentos, o Governo da Bahia inaugura nesta sexta-feira (6), às 8h30, em Salvador, o Instituto Couto Maia, que é o maior e mais moderno hospital especializado em doenças infecto-contagiosas do Brasil. Com 120 leitos, sendo 20 UTIs, a unidade também será um centro de referência internacional em pesquisa no campo de doenças infecciosas. Na oportunidade estarão presentes o governador Rui Costa, o ministro da Saúde, Gilberto Occhi, e o secretário da Saúde do Estado, Fábio Vilas-Boas.
O empreendimento é fruto de uma Parceria Público-Privada (PPP) em que o Governo do Estado é responsável pela área assistencial, com 780 profissionais entre médicos e enfermeiros, por exemplo. Já o ente privado constrói, adquire os equipamentos e contrata os serviços-não médicos, como administrativo, limpeza e portaria, totalizando 263 profissionais. A primeira experiência de PPP na área da saúde foi com o Hospital do Subúrbio, também localizado na capital baiana.
“Além de ser o maior hospital de doenças infecciosas do país, com leitos de UTI pediátrica e adulta, enfermarias com leitos de isolamento, bem como salas cirúrgicas, a nova unidade utilizará prontuário eletrônico, dispensando a impressão de papel”, afirma Fábio Vilas-Boas.
A unidade ofertará atendimento de urgência e emergência, ambulatório especializado, além de um Centro de Referência para Imunobiológicos Especiais (Crie) e uma agência transfusional, serviço de reabilitação e de logística. O hospital contará ainda o serviço de apoio diagnóstico com equipamentos de radiologia, ultrassonografia, tomografia computadorizada, endoscopia digestiva, eletrocardiografia e eletroencefalografia.
Antigo Couto Maia
Construído em 1853 para ser um hospital de isolamento com a missão de atender pacientes com febre amarela vindos de navios mercantes, o Hospital Couto Maia superou as expectativas da época se tornando referência em doenças infecciosas e parasitárias. Após 165 anos da fundação, a unidade localizada no bairro de Monte Serrat, em Salvador, se mantinha como único hospital da Bahia especializado no tratamento de doenças infecto-contagiosas, sendo agora substituído pelo Icom.
Já na próxima segunda-feira (9), tem início o atendimento ambulatorial no Icom, substituindo em definitivo as atividades realizadas no Hospital Couto Maia. O Icom oferta em nível ambulatorial consultas nas especialidades de HIV/AIDS, hanseníase, infectologia geral e neuro-infectologia.
O pronto atendimento e o Centro de Referência para Imunobiológicos Especiais, o qual realiza avaliação e aplicação de imunobiológicos funcionam a partir da terça-feira (10). E entre os dias 9 e 11 de julho os pacientes internados no Hospital Couto Maia serão transferidos para o Icom.

Notícias relacionadas