Secretaria da Saúde Portal Sesab SUS - 20 Anos
English Spanish

Últimas Notícias

Dia Mundial do Doador de Sangue é celebrado na Hemoba

E-mail Imprimir PDF

O dia 14 de junho é dedicado ao Dia Mundial do Doador de Sangue. Países de todo o mundo celebram anualmente a data, que tem como objetivo aumentar a conscientização sobre a necessidade de se doar sangue, e em especial, agradecer aos milhões de doadores voluntários pela sua generosidade em contribuir para salvar a vida de inúmeras pessoas

A diretora de hemoterapia da Hemoba, Iraildes Santana, agradeceu aos doadores e enfatizou a importância da doação de sangue. "Doar Sangue é um gesto de bondade e amor. Hoje, a Hemoba agradece a cada doador por esse gesto de solidariedade ao próximo, assim como a todos os parceiros que contribuem com a causa da doação”, declarou.

Durante a manhã desta quarta-feira (14), os grupos Hapvida +1K e Sangue Rubro-Negro encheram a sede da Fundação de alegria e de bolsas de sangue, incentivando antigos e novos doadores durante o Dia Mundial do Doador de Sangue. A expectativa da Hemoba é receber cerca de 250 candidatos à doação até o fim o dia no hemocentro coordenador.

Novas unidades de coleta

Como parte das comemorações do Dia Mundial do Doador de Sangue, a Hemoba recebeu, na útima terça-feira (13), o reforço de mais duas novas unidades móveis de coleta (Hemóveis). As unidades foram adquiridas através do Programa de Fortalecimento do Sistema Único de Saúde na Região Metropolitana de Salvador (PROSUS) e é fruto do esforço do estado para superar as dificuldades enfrentadas no estoque de hemocomponentes, ampliando as coletas de sangue itinerantes e garantindo a cobertura da demanda transfusional dos hospitais.

A Fundação já possui duas unidades móveis que apresentam excelentes resultados, representando cerca de 20% da coleta de sangue na capital. Com a chegada de mais duas unidades, a Hemoba colocará à disposição da população quatro ônibus totalmente equipados que vão atender na capital e no interior, em ações com o objetivo de estimular a disseminação da cultura da doação de sangue e do cadastro de medula óssea.

Desse modo, os Hemóveis irão possibilitar à hemorrede pública do estado um maior número de coletas, bem como uma aproximação com os doadores e atendimento qualidade em locais nos quais não existem espaços propícios para essa atividade, tais como: escolas, clubes, empresas, praças, bairros distantes e pequenos municípios. "Com os Hemóveis, a Hemoba pretende ampliar a cobertura de atendimentos em localidades que não possuem unidades fixas de coleta, fidelizar os doadores de sangue e garantir um estoque estratégico de bolsas de sangue satisfatório", afirma o diretor geral da Hemoba, Marinho Marques.

Sobre a doação de sangue

Doar sangue é um ato simples, rápido e seguro. O organismo repõe o volume de sangue doado nas primeiras 24 horas após a doação. Todo o material utilizado na coleta é descartável, o que elimina qualquer risco de contaminação para o doador.

Para doar sangue, o voluntário deve estar em boas condições de saúde, pesar acima de 50 quilos e ter idade entre 16 e 69 anos – menores de 18 anos devem estar acompanhados por um responsável legal. É necessário estar descansado (ter dormido pelo menos 6h nas últimas 24h) e bem alimentado, tendo, preferencialmente, ingerido alimentos sem gordura, e portar um documento oficial com foto (RG, carteira de trabalho, carteira de motorista ou de reservista) em bom estado de conservação.

Mais informações também podem ser acessadas através das páginas oficiais da Fundação no Facebook (fb.com/hemoba) e no Instagram (@hemobaoficial).

 

Ascom/Hemoba