Secretaria da Saúde
Comissão Intergestores Bipartite CES SUS

Últimas Notícias

Vacinação contra gripe começa em Salvador e no interior do estado

E-mail Imprimir PDF
Modificar el tamaño de letra:

Começou nesta segunda-feira (15) e segue até o próximo dia 31 de maio, a 15ª Campanha de Vacinação contra a Gripe (Influenza). A ação estará em todos os 417 municípios do estado, onde serão disponibilizados cerca de 3.600 serviços de saúde para atender a demanda das pessoas.

De acordo com a coordenadora do Programa Estadual de Imunização, Fátima Guirra, a campanha é promovida pela Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) e pretende imunizar pelo menos 80% da população envolvida, cerca de dois milhões e meio de pessoas.

Mais conhecida como gripe, a influenza é transmitida por meio de objetos contaminados e principalmente pelo contato pessoa a pessoa. A imunização chega a reduzir em 45% o número de hospitalizações por bronquite e pneumonia, complicações decorrentes da doença.


Público alvo

Crianças a partir dos seis meses a dois anos de idade, gestantes, mulheres que tiveram filho nos últimos 45 dias, idosos com mais de 60 anos, trabalhadores da saúde, indígenas e pessoas com doenças crônicas estão entre o público alvo.

Francisca Souza, 30 anos, grávida de oito meses aproveitou a tranquilidade do primeiro dia para se vacinar. “Quero proteger minha saúde e a do bebê. Vim logo no início, porque eu já tive gripe durante a gravidez e não quero ter a doença novamente”.

O senhor Francisco Vila, 55 anos, acompanhava duas tias na vacinação na tarde desta segunda-feira, primeiro dia da campanha deste ano. “Trago elas todos os anos para tomar a vacina. A saúde delas é prova de que a imunização é eficaz. Segundo ele, as tias quase nunca ficam gripadas “e quando adoecem é uma gripe branda, curada rapidamente. Enquanto houver este serviço gratuito do Estado, vou trazê-las”.

A vacina combate os principais vírus da influenza, que circulam principalmente durante o inverno: o vírus H1N1, H3N2 e influenza B. Em 2012, segundo dados do serviço de saúde, foram registrados 16 casos do H1N1 no estado, sete deles em Salvador.

“A influenza é uma doença aguda de alta transmissibilidade, muito rápida, que pode ter característica de surto ou pandemia. Os 417 municípios têm seus postos de vacinação fixos e alguns volantes em áreas de zona rural e periferias. Nós esperamos que o público alvo possa ter acesso à vacina”, completa Fátima.


Secom

 

Sesab nas Redes