Policlínicas Regionais de Saúde

As Policlínicas Regionais de Saúde estão mudando a realidade da assistência de média e alta complexidade na Bahia. Construídas em locais estratégicos no interior do estado, possibilitam descentralizar a assistência, regionalizando o atendimento ao cidadão, que passa a ter acesso aos serviços perto de casa, sem precisar se deslocar longas distâncias ou aguardar tempo excessivo para o atendimento.

Para viabilizar as Policlínicas e o atendimento regional, foram criados os Consórcios Interfederativos de Saúde, que administram as unidades. Nos Consórcios, municípios de uma mesma região se juntam para ratear os custos com a assistência, de acordo com a população de cada cidade. Saiba mais sobre os Consórcios, clicando aqui.

O que são as Policlínicas Regionais de Saúde?

São Unidades Especializadas de Apoio Diagnóstico, com serviços de consultas clínicas com médicos de especialidades diferentes (definidas com base no perfil epidemiológico da população da região), realização de exames gráficos e de imagem com fins diagnósticos e oferta de pequenos procedimentos, como vasectomia. Oferecem um maior bem-estar aos pacientes do SUS, que não precisam mais se deslocar longas distâncias ou aguardar muito tempo para atendimento, por meio de uma equipe multiprofissional qualificada e preparada para atender as demandas da região. As Policlínicas possuem 2.848,32m² de área construída com 12 consultórios e são equipadas com estrutura de ponta.

Qual o objetivo?

As Policlínicas visam prestar serviços de média complexidade na rede de saúde da região, ampliando o acesso ambulatorial à especialidades médicas diversas e exames em busca de uma maior atenção à saúde do paciente. Foram idealizadas para cobrir um vazio assistencial identificado na Bahia. Apesar de a cobertura da Atenção Básica atingir mais de 70% do território baiano, esta não funcionava de forma resolutiva, pois faltava acesso aos médicos especialistas e à realização de exames diagnósticos para direcionar os tratamentos. Neste sentido, o projeto visa garantir a oferta dos exames complementares e consultas especializadas para todas as regiões de saúde da Bahia, fornecendo resolutividade à Atenção Básica e evitando que os pacientes precisem ir para os hospitais com casos que podem e devem ser solucionados na atenção primária e secundária.

Como ter acesso?

As Policlínicas não são unidades de atendimento com portas abertas. Todas as consultas e exames são feitos através de um agendamento prévio, que deve ser realizado pela Secretaria de Saúde dos municípios consorciados. Ou seja, têm como objetivo receber pacientes que já passaram por unidades da Atenção Básica e que possuem encaminhamento para uma unidade especializada. Para levar os pacientes de seus municípios até a Policlínica, foram adquiridos, pelo Governo do Estado, micro-ônibus com ar condicionado e acessibilidade, que fazem o transporte diariamente.

Quais os pacientes que devem ser encaminhados?

As policlínicas estão preparadas para receberem pacientes que não necessitem de cuidado e avaliação imediata do especialista, ou seja, que não precisem de atendimentos de urgência ou emergência. É importante saber que todo paciente encaminhado para as policlínicas deverá permanecer em acompanhamento com a Equipe de Atenção Básica do seu município.

Quais as especialidades médicas oferecidas para consultas?

Angiologia
Cardiologia
Endocrinologia
Gastroenterologia
Neurologia
Ortopedia
Oftalmologia
Otorrinolaringologia
Ginecologia/obstetrícia
Mastologia
Urologia
(a depender do perfil epidemiológico da população da região)

Quais exames podem ser feitos?

Ressonância Magnética (com e sem contraste)
Tomografia (com e sem contraste)
Mamografia
Ultrassonografia com doppler
Ecocardiografia
Eletroneuromiografia
Teste Ergometrico
Mapa
Holter
Eletroencefalograma
Raio-X de 500Am
Eletrocardiograma
Endoscopia
Colonoscopia
Nasolaringoscopia
Entre outros, ligados à especialidade de oftalmologia

Quais os procedimentos oferecidos?

Vasectomia
Cauterização
Pequenas cirurgias
Cuidados com o pé diabético
Biópsias (mama, tireoide, próstata, dérmica, gastroenteral etc.)
(a depender do perfil da Policlínica.)

Como vou me deslocar até a Policlínica?

Micro-ônibus dos Consórcios de Saúde irão circular pelas cidades e levar os pacientes até as Policlínicas Regionais de Saúde. Os atendimentos devem ser agendados antecipadamente pelo município onde o usuário reside. Os roteiros de cada microônibus variam de acordo com a região.

Entre em contato com a Secretaria Municipal de Saúde da sua cidade para mais informações.

 

Confira abaixo fotos das unidades.