Sesab registra 96 atendimentos relacionados ao carnaval

Até 17h desta segunda-feira, a Secretaria da Saúde do Estado contabilizou 96 ocorrências médicas relacionadas ao carnaval em suas unidades. Os atendimentos encaminhados para os hospitais são aqueles de maior complexidade e que necessitam de uma assistência mais especializada para o folião. O maior número de atendimentos foi prestado por conta de agressões físicas, sendo 38 ao todo. O subsecretário de saúde do Estado, Carlos Emanuel Melo, avalia como sendo um número esperado. "A nossa torcida é que as ocorrências fiquem abaixo das registradas no ano passado", afirma o subsecretário.

O esquema especial montado pela Sesab para atender a demanda durante o carnaval envolve 680 profissionais envolvidos direta e indiretamente nos serviços. São ao todo 1.470 postos de trabalho, além das escalas normais, nos hospitais Geral do Estado (HGE), Geral Roberto Santos (HGRS), Ernesto Geral Simões Filho (HGESF), Menandro de Farias (HMF) e nas unidades de emergência de Pirajá, Cajazeiras e Curuzu. A Central Estadual de Regulação (CER) funciona normalmente 24 horas.

Teste de detecção de DST/Aids


Nos postos montados pela Sesab em Salvador e em Porto Seguro para realização do teste rápido de HIV/Aids e Sífilis, 679 pessoas passaram pelo exame, sendo 388 mulheres e 291 homens. Foram três resultados positivos para HIV e 10 positivos para Sífilis. O subsecretário Carlos Emanuel Melo destaca que há uma estrutura pronta para o tratamento nos casos positivos. "O diagnóstico precoce é muito importante para que haja o início do tratamento", afirmou Carlos Emanuel Melo.

Além dos testes, estão sendo desenvolvidas ações de prevenção das doenças DST/Aids, através da distribuição de preservativos e material educativo, orientações sobre prevenção e diagnóstico.

Hemoba


A Fundação de Hematologia e Hemoterapia da Bahia (Hemoba), que está com desenvolvendo ações de incentivo à doação de sangue, com o slogan "Precisamos de todos os doadores", está com um esquema especial de funcionamento durante o carnaval. Hoje, a Hemoba funcionou até 18h30, da mesma forma que será nesta terça-feira, quando o atendimento iniciará às 7h30. Na quarta-feira, o funcionamento será das 13h às 18h30.

Ao todo, até às 17h desta segunda-feira, somando-se as doações de sexta-feira e sábado, a Hemoba recebeu 345 candidatos à doação e foram coletadas 240 bolsas de sangue.

Ocorrências epidemiológicas

Técnicos da Superintendência de Vigilância e Proteção à Saúde (Suvisa)/Diretoria Vigilância Epidemiológica (Divep) atuam em regime de plantão todos os dias de carnaval, no do Centro de Atenção à Saúde (CAS), na Avenida ACM, para atender a qualquer eventualidade.

Doação de órgãos

O incentivo à doação de órgãos também está sendo uma das ações da Sesab durante o carnaval 2015. Através do Sistema Estadual de Transplantes, a Sesab firmou uma parceria com a Saltur. Durante o carnaval, balões com mensagens sobre doação de órgãos e tecidos estarão instalados nos percursos dos circuitos.


Ascom Sesab
Carnaval/segunda

 

Youtube Flickr Facebook Twitter