Página Inicial > Notícias Cidadão Usuário > Gestores municipais aprovam o Mutirão de Cirurgias

Gestores municipais aprovam o Mutirão de Cirurgias

“Cada cirurgia dessa custa, em média, R$ 5 mil reais. Imagine um município pequeno como Lajedão ter que pagar para os 55 pacientes que trouxemos aqui hoje?", secretária de Saúde de Lajedão, Wilvania Viana de Souza, ressaltando a importância do Mutirão de Cirurgias para os municípios.

O Mutirão começou os atendimentos em Medeiros Neto hoje (13), no bairro Aparecida, e ficará até amanhã (14), quando serão atendidos moradores locais e dos municípios vizinhos de Itanhem, Vereda, Lajedão e Ibirapuã.

A iniciativa do governo do estado, executada através da Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab), está sendo reconhecida pelos gestores municipais que veem no projeto uma oportunidade de diminuírem o tempo de espera dos seus pacientes, como explicou a prefeita de Medeiros Neto, Jadna Paiva Silva, "ao assumirmos a Prefeitura conseguimos fazer 20 cirurgias dessas, mas ainda temos mais de 50 pessoas na fila, que demandaria tempo para conseguirmos atendê-las, se não fosse o Mutirão". Ela ainda acrescentou que os municípios vizinhos também “são atendidos aqui em nosso hospital e os valores repassados por eles não são suficientes para cobrir os custos”.

De acordo com o secretário de Saúde de Medeiros Neto, Alex Serapião de Souza, a estimativa de atendimento nestes dois dias, entre pacientes de sua cidade e dos municípios vizinhos, está em torno de 450 pessoas.

Teixeira de Freitas: No dia 16 a equipe segue para Teixeira de Freitas onde ficará por 3 dias, encerrando o atendimento na região do Extremo Sul. Lá, a unidade móvel ficará estacionada no pátio do Shopping Mix, na Avenida São Paulo e o atendimento será das 7 às 17 horas.

Para ser atendido, o paciente já deve ter a indicação médica para a cirurgia e ter feito o cadastro na Secretaria de Saúde do município de residência. Caso ele não tenha feito o cadastro prévio, mas tenha exames laboratoriais que comprovem a necessidade de realizar uma das cirurgias oferecidas (histerectomia, hérnia e vesícula), o paciente poderá se dirigir ao local das consultas pré-operatórias munido dos documentos exigidos, incluindo os exames já realizados.

Pacientes que farão procedimento de vesícula, para a realização do exame de USG, precisam estar em jejum. Já os pacientes que farão histerectomia, deverão levar exame preventivo. Todos os pacientes devem levar resultados de exames laboratoriais e outros que tiverem realizado.

 

 

Notícias Relacionadas

Youtube Flickr Facebook Twitter

Av. Luis Viana Filho, 400, Secretaria da Saúde, Centro Administrativo da Bahia - CAB, CEP 41.745-900 - Salvador/Bahia - Central de Informações: 71 3115-4199
Site desenvolvido pela Secretaria da Saúde do Estado da Bahia em plataforma Joomla em conformidade com a W3C. Ativo desde 22/12/2014