Página Inicial > Notícias Cidadão Usuário > Secretário da Saúde está em Teixeira de Freitas e se reúne com o prefeito

Secretário da Saúde está em Teixeira de Freitas e se reúne com o prefeito

O subfinanciamento da saúde em todo o país é uma das preocupações dos gestores públicos para manterem as unidades de saúde funcionando. Isso acontece também em Teixeira de Freitas, como afirma o prefeito do município, João Bosco, "Gastamos mensalmente R$ 13,5 milhões para atender toda a região e a pactuação com as cidades do entorno só reembolsa R $2,5 milhões", afirma o prefeito. Este foi um dos pontos de pauta com o secretário da Saúde da Bahia, Fabio Vilas Boas, que visitou o hospital regional da cidade nesta segunda-feira (26), e se reuniu com 21 prefeitos da região.

De acordo com o secretário, uma das soluções para ampliar o volume de recursos é a construção de consórcios públicos intermunicipais, onde os entes consorciados rateiam os custos das unidades de saúde, possibilitando assim o reequilíbrio das finanças na manutenção de hospitais em Unidades de Pronto-Atendimento (UPAs).

Núcleos Regionais de Saúde

Entre os questionamentos dos prefeitos sobre a extinção das 31 Diretorias Regionais de Saúde (Dires) e a criação de nove Núcleos Regionais de Saúde (NRS) destaca-se a logística de distribuição de medicamentos. Segundo Vilas-Boas, não haverá alterações nos processos de distribuição, pois serão mantidos pontos de apoio nos locais que forem necessários.

Outro ponto de pauta foi a realocação de parte dos profissionais de saúde que estavam em serviços administrativos nas Dires e agora irão prestar serviços de assistência. "São mais de 700 profissionais entre médicos, enfermeiros técnicos de enfermagem e dentistas que poderiam estar prestando assistência direta à população" ressalta o secretário.

Um dos compromissos assumidos pelo titular da pasta da Saúde junto aos prefeitos foi o de adequação do repasse de recursos para os municípios, assim que o orçamento estadual for aberto. "A programação orçamentária de 2015 será rigorosamente cumprida. Quanto aos débitos referentes a 2014, haverá uma repactuação e escalonamento dos pagamentos", afirma Vilas-Boas.

Ascom/Sesab
/teixeira de freitas/visita

 

Notícias Relacionadas

Youtube Flickr Facebook Twitter

Av. Luis Viana Filho, 400, Secretaria da Saúde, Centro Administrativo da Bahia - CAB, CEP 41.745-900 - Salvador/Bahia - Central de Informações: 71 3115-4199
Site desenvolvido pela Secretaria da Saúde do Estado da Bahia em plataforma Joomla em conformidade com a W3C. Ativo desde 22/12/2014