Patologias /

Aplasia Pura Adquirida Crônica da Série Vermelha

Aplasia Pura Adquirida Crônica da Série Vermelha

Protocolo Clínico e Diretrizes Terapêuticas da Aplasia Pura Adquirida Crônica da Série Vermelha (clique aqui)

CLASSIFICAÇÃO ESTATÍSTICA INTERNACIONAL DE DOENÇAS E PROBLEMAS RELACIONADOS À SAÚDE (CID-10)

– D60.0 Aplasia pura adquirida crônica da série vermelha

Atenção: Para consultar as atualizações dos medicamentos e de CID-10 desta patologia, favor acessar o SISTEMA DE GERENCIAMENTO DA TABELA UNIFICADA DE PROCEDIMENTOS (SIGTAP)

Medicamentos
  • CICLOFOSFAMIDA 50 MG (POR DRAGEA) 
  • CICLOSPORINA 100 MG (POR CAPSULA)
  • CICLOSPORINA 100 MG/ML SOLUCAO ORAL (POR FRASCO DE 50 ML)
  • CICLOSPORINA 25 MG (POR CAPSULA)
  • CICLOSPORINA 50 MG (POR CAPSULA)
  • IMUNOGLOBULINA HUMANA 5,0 G INJETAVEL (POR FRASCO)
Documentos necessários

▪Cópia do RG, CPF, comprovante de residência, cartão nacional SUS do paciente;

▪Receita Médica (deve ser renovada TRIMESTRALMENTE junto com o LME)

▪Termo de Esclarecimento e Responsabilidade – TER

▪Relatório Médico com descrição clínica realizada em serviço especializado em hematologia informando: sinais e sintomas; medicamentos atualmente utilizados; outras doenças concomitantes a aplasia pura adquirida crônica da série vermelha; e tratamentos prévios utilizados informando há quanto tempo os mesmos foram suspensos, com CID ;

▪LME de solicitação de medicamento (deve ser renovado TRIMESTRALMENTE);

Exames para abertura de processo

TODOS OS MEDICAMENTOS 

  • Hemograma completo, com análise de esfregaço periférico e contagem de reticulócitos:
  • Creatinina
  • Tomografia computadorizada de tórax (para investigação de timoma)
  • Anti-HIV
  • Anti-HCV
  • Fator Antinuclear (FAN)
EXAMES CONDICIONADOS À SITUAÇÃO CLÍNICA DO PACIENTE (PODEM SER SOLICITADOS PELO AVALIADOR):
  • Biópsia e aspirado de medula óssea
PARA IMUNOGLOBULINA, TAMBÉM:
  • Anticorpos anti-B19 igM no soro ou detecção do DNA viral no soro por técnicas de biologia molecular
Atenção: outros exames complementares podem ser solicitados pela Unidade de Referência, conforme situação clínica do paciente.

Exames de monitoramento

Para Ciclosporina:

▪Nível sérico de Ciclosporina

▪Creatinina Sérica

Periodicidade: a cada 2 semanas nos primeiros 3 meses de tratamento e, após, mensalmente se o paciente estiver clinicamente estável

Para Imunoglobulina Humana:

▪Creatinina Sérica

▪Hemograma

Periodicidade: a critério médico

Para ciclofosfamida: 

  • Devem ser realizados hemograma e dosagem de plaquetas semanalmente no primeiro mês, quinzenalmente no segundo e terceiro meses e, após, mensalmente ou se houver mudança nas doses. Também deve ser realizado controle da função hepática (alaninaaminotransferase - ALT/TGP, aspartato-aminotransferase - AST/TGO, gamaglutamiltransferase e bilirrubinas), na mesma periodicidade dos hemogramas nos primeiros 6 meses e depois trimestralmente.

Unidades de Referência

Capital

HEMOBA – Fundação de Hematologia e Hemoterapia da Bahia

End: Ladeira do Hospital Geral, s/nº – Vasco da gama, Salvador/BA; CEP: 40240-090

Tel/Fax da farmácia:3116-5671 /5606

Horário: 7h às 19h

E-mail: fatima.souto@hemoba.ba.gov.br

 

Interior

Bases Regionais De Saúde E Núcleos Regionais De Saúde (antigas DIRES)

Fluxo de acesso para Salvador

Fluxo de acesso para Núcleos Regionais de Saúde (NRS) e/ou Bases Regionais de Saúde (BRS) - Antigas Dires

Observações

  • Pacientes sob suspeita de terem adquirido APASV devem ser encaminhados a serviços especializados em Hematologia para um adequado diagnóstico de inclusão no protocolo.
data de atualização: 13/11/2018